• Postado por Tiago
Primeira reunião de detalhamento do projeto de monitoramento feito pela Epagri e Univali em Barra Velha, em julho

Primeira reunião de detalhamento do projeto de monitoramento feito pela Epagri e Univali em Barra Velha, em julho

O projeto pioneiro de monitoramento da pesca artesanal marinha na Santa & Bela dá seus primeiros passos na região. Foram abertas 82 vagas para monitores de pesca em todas as cidades do litoral. A intenção é utilizar os dados colhidos pelos monitores para criar políticas públicas na área, com apoio do Centro de Ciências Tecnológicas da Ciência e do Mar (CttMar), da Univali.

Os interessados em trabalhar como monitores devem procurar a Epagri de cada município. As inscrições vão até o dia 11 de setembro. Para concorrer à vaga, a pessoa deve ser maior de 18 anos, ter ensino fundamental completo ou estar cursando, além de ter o CPF regularizado. O salário é de R$ 458,94, segundo informa a agente operacional técnica da Epagri, Rosangela Carvalho.

O projeto é uma parceria entre Epagri e Ministério de Aquicultura e Pesca e vem sendo desenvolvido desde o início do ano. Serão mapeados os 31 municípios do litoral do Estado, beneficiando cerca de 30 mil famílias de pescadores artesanais direta e indiretamente.

Foto: Juvan Neto

  •  

Deixe uma Resposta