• Postado por Tiago

r---secretario-de-obras-faz-aterro-em-proprio-terreno-(3)

O local será palco de um rodeio organizado por um secretário da prefa. O abobrão confirma o uso do maquinário

O secretário municipal de Transportes de Porto Belo, Edemir Natálio Silvino, usou maquinário da prefeitura para dar um trato num terreno de sua propriedade para a realização de um rodeio particular. A denúncia, com direito a flagra fotográfico e tudo, foi feito ao DIARINHO pelo leitor Pedro Henrique Becker. O secretário admite que os equipamentos públicos foram usados no seu terreno e diz que há uma lei municipal dando permissão para o uso.

O terrenão fica na rua Isodoro Batista, onde funcionava o El Fortin, uma balada de tuntis-tuntis do bairro Perequê. Neste final de semana, peões, máquinas e caminhões da prefa trabalhavam a todo vapor no local. ?Mesmo sendo ação imoral, está acontecendo de forma escancarada?, revolta-se Becker, que entregou ao DIARINHO fotos da sacanagem.

O leitor diz que o terreno tá sendo preparado para um rodeio organizado de forma particular pelo secretário. A festança vai acontecer em outubro. ?E tudo com o apoio total, mesmo que irregular, do governo de Porto Belo?, alfinetou.

Secretário admite uso do maquinário

Edemir Silvino confirmou ao DIARINHO o uso do maquinário e de funcionários da prefa em seu terrenão para a preparação do rodeio. Ele disse, na caruda, que as máquinas são usadas nos finais de semana pra não interromper o trampo dos peões durante o expediente.

O secretário alega que existe uma lei aprovada pela câmara de vereadores que autoriza o abuso. Edemir argumenta que vai ceder o seu terreno pra realização do rodeio, que faz parte das comemorações do aniversário da city, dia 13 de outubro.

O vereador Estevão Guerreiro, o Maninho (PT), diz que a história é bem outra. ?A câmara autorizou a cessão do maquinário pra fazer o aterramento, mas apenas pra semana de aniversário da cidade, pra preparar o evento?, explicou.

Maninho diz que o abobrão foi convocado por ele pra sisplicar na próxima sessão da câmara, que vai rolar no dia 14 de setembro. A pendenga está no motivo do aterro estar sendo feito com tanta antecedência e o terreno também estar sediando outros eventos, inclusive rêivis.

Improbidade administrativa

O advogado Natan Ben-Hur Braga, mestre em direito administrativo, explica que o secretário pode ser enquadrado pelo crime de improbidade administrativa e ser obrigado a devolver os valores referentes às horas de uso das máquinas. ?E se ele ainda se beneficiar de alguma maneira, como realizando outros eventos no período, o crime é caracterizado. Se existir autorização do prefeito e vereadores, até mesmo os cargos podem ser questionados e perdidos?, alerta.

  •  

Deixe uma Resposta