• Postado por Tiago

Um aposentado de Santa Catarina brigou durante anos na justiça pra devolver um dinheiro que apareceu em sua conta no Banco do Brasil em 1999. O véinho jurava que não era o dono dos 192 milhões misteriosos, mas, como o banco não descobriu de onde veio o dindim,  acabou por deixar nas mãos da justa a decisão.

O milionário de Tubarão morreu e agora a briga é com os filhos, que já ganharam a questão em primeira instância, só que, como ainda cabe recurso, a grana deve ficar no banco rendendo juros e correção monetária até à decisão final.

  •  

Deixe uma Resposta