• Postado por Tiago

O primeiro Hard Stromber Surf Treino, campeonato que rolou sábado, em Itajaí, com o objetivo de dar ritmo de competição aos surfistas da região, teve bom nível técnico, belas manobras e também uma surpresa que uniu música e esporte. Por falta de ondas na Atalaia, a disputa rolou na Brava, bem próximo à casa do cantor Armandinho. O regueiro, que também é amante do surfe, aproveitou que tinha uma vaga em aberto na categoria open e competiu com a surfistada local.

Armandinho ficou em terceiro na sua bateria, mas mandou bem e por pouco não se classificou pra segunda fase. Ele precisava de uma onda na casa de 5,50 pontos pra passar, mas infelizmente ela não veio. “Foi minha primeira vez numa competição de surfe. Gostei!”, falou o cantor, amarradão, logo depois de sair da água.

O título da open – principal categoria em disputa – foi pro local Dickson Queiroz. Ele entrou em sintonia com a valinha da Brava na grande final e faturou a taça num duelo acirrado com Ricardo Tavares, segundo colocado, e Jeferson Maninho e Renan Batalha, que foram terceiro e quarto, respectivamente.

Quem também arrebentou foi o jovem atleta de Balneário Camboriú, Paulo Pinheiro. Ele venceu as categorias júnior e mirim e fez a festa no Hard Stromber. Após as finais, a galera se reuniu no bar do Kao, na Atalaia, pra tradicional confraternização.

  •  

Deixe uma Resposta