• Postado por Tiago

A bandidagem de Itajaí parece ter encontrado uma nova forma de se armar para meter assaltos na região. Em menos de 24 horas, dois vigilantes em serviço foram vítimas de assaltantes, que tomaram os trabucos dos guardinhas e simandaram. Depois do crime, os bandidos fugiram sem botar os pés nos patrimônios que os coitados protegiam. A polícia acredita que os dois crimes foram metidos pela mesma dupla, que tá se especializando no mercado ilegal de venda de armas.

O primeiro assalto rolou na quarta-feira, na empresa Adina, que fica no bairro São Judas. Os bandidos renderam o vigilante Bruno Ferreira Rocha, da Orsegups e fugiram de moto levando a arma do cara. Na quinta-feira, os trastes voltaram a agir, dessa vez contra uma vigilante da empresa Do Vale. Ela foi guentada pela bandidagem perto de um condomínio de galpões na rodovia Jorge Lacerda, nos Espinheiros. Os trastes renderam Cheyla Werner de Carvalho e conseguiram mais um trabuco pra revender.

  •  

Deixe uma Resposta