• Postado por Tiago

O governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, pediu “perdão por seus pecados” durante uma cerimônia na tarde da última quinta-feira em Brasília. A afirmação foi feita diante de uma plateia de servidores que assistiam à posse de diretores da rede pública de ensino em Taguatinga, cidade próxima ao centro da capital.

Na retratação, o cara de pau disse compreender a indignação da população pelas imagens gravadas por seu ex-secretário de Relações Institucionais, Durval Barbosa. No material, Arruda aparece recebendo maços de dinheiro. De acordo com o dedo-duro, o dinheiro foi usado para o pagamento de propinas em um esquema operado pelo próprio governador, na época ainda candidato ao governo.

“Perdôo, a cada dia, os que me insultam. Entendo as suas indignações pelas forças das imagens. E, sabem por que eu perdoei? Porque só assim eu posso também pedir perdão dos meus pecados”, desculpou-se Arruda diante dos servidores.

Arruda também admitiu ter cometido erros e voltou a dizer que os últimos 40 dias serviram para ele perdoar seus adversários. O governador também disse ter atraído seus adversários por ingenuidade e que são movimentos característicos da política.

“Talvez, ingenuamente, permiti que esses interesses contrariados ficassem tão próximos de nós. Devo também ter cometidoerros, é claro. Eu quero dizer a vocês, de coração mesmo, que eu já perdoei todos os que me agrediram”, defendeu-se o bagrão.

  •  

Deixe uma Resposta