• Postado por Tiago

INTERNA-10-BASE-adharas-pet-shop

Veterinária peixeira ganhou forcinha da assessoria

Uma funcionária da assessoria de imprensa da prefeitura de Navegantes usou a estrutura do trampo e, durante o horário de expediente, mandou material de divulgação de um evento da clínica veterinária de um parente pra toda a imprensa da região na segunda-feira.

A barnabé jura que foi um engano e que não queria usar o endereço eletrônico da prefa pra fazer a propaganda da clínica. A mandachuva da assessoria de imprensa dengo-dengo, Vânia Alves Voltolini, diz que sua comandada pisou na bola por pura inocência e prometeu que daria um bom puxão de orelha na barnabé, pra que o rolo não se repita.

O material enviado pela jornalista Louise Benassi divulgava um dia de combate às verminoses em cães e gatos, na clínica veterinária Adhara?s, que nem em Navegantes fica. O tal evento que rola em Itajaí também não é beneficente ou gratuito, o que até poderia justificar uma forcinha do poder público na divulgação.

A jornalista afirma que fez o texto em casa e ficou de mandar pelo computador da prefa, onde teria uma lista maior de contatos, para ajudar um primo que é veterinário na clínica. Na hora de enviar o texto, Louise teria se enganado e mandado o material com o endereço eletrônico da prefa.

O texto veio no mesmo formato usado pela assessoria para informar as ações de governo, só que sem o número que indica os textos oficiais enviados este ano pela prefa.

Vânia, que é responsável pela assessoria, desconhecia o e-mail até a tarde de ontem. Ela explica que tem total confiança nos funcionários e que nunca conversou com eles sobre usar o horário de expediente para outros trampos porque é algo básico que não se pode fazer numa assessoria. ?Eu jamais permitiria isso. Pelo que conheço do caráter da Louise, ela fez isso por pura inocência?, disse a chefe em defesa da subordinada.

  •  

Deixe uma Resposta