• Postado por Tiago

INTERNA-BAIXO-PAG-23---s---avai---atacante-cristian-foto-rubens-flores-26out09

Atacante Cristian é uma opção de Silas pra acabar com a empatite

O Avaí estreou no Brasileirão deste ano cedendo empate em 2 a 2 pro Atlético/MG, em casa. Até aí nada demais, não tivesse o Leão repetido outras sete vezes este mesmo placar, em 31 jogos. No turno da competição, o resultado rolou também contra o Coritiba, quando a equipe comandada pelo técnico Silas saiu na frente e teve que buscar o empate nos minutos finais, novamente em casa. Ainda no turno, só que fora de casa, o Avaí teve um baita poder de reação e na Vila Belmiro buscou o empate contra o Santos.

Nesta época, o time já era a sensação da competição, fechando a oitava rodada de invencibilidade. Na abertura do returno, repeteco do primeiro jogo. No Mineirão, Avaí e Galo fecharam os 90 minutos de jogo em 2 a 2.

O mês de outubro começou e, em três jogos seguidos, uma situação que pra muitos foi embaraçosa. Mas pra jogadores e comissão técnica do Avaí foi tudo normal, levando em conta os adversários. O Avaí empatou em 2 a 2 contra Cruzeiro, Palmeiras e Botafogo. No jogo contra a Raposa, na Ressacada, o jovem Cristian empatou nos acréscimos e se consagrou. No Parque Antártica, o Leão deixou o líder Porco empatar. No jogo contra o time da Estrela Solitária, novamente o Avaí deixa o dono da casa igualar.

Além destes 2 a 2, o Avaí empatou outras vezes. Foram 11 no total, em 31 rodadas, e os outros resultados iguais ficaram no 0 a 0. Se não tivesse cedido pelo menos um empate, o Avaí estaria hoje matematicamente garantido na série A no ano que vem. Pelas contas do site Chance de Gol, o time precisa somar mais um pontinho pra garantir a vaga.

Em relação às vitórias, o Avaí também soma 11. Destaque pras duas por 4 a 0. Uma contra o Vitória e outra contra o Barueri. As duas em território manezinho.

  •  

Deixe uma Resposta