• Postado por Tiago

INTERNA_12_base-esquerda_obras-semasa-rua-blumenau---foto-Felipe-VT-04-(3)

Obra do Semasa tá ajudando a malacagem

Quem passa motorizado pelo trecho em obras da rua Blumenau, entre os bairros São João e Barra do Rio, em Itajaí, deve ficar atento pra não ser surpreendido pela malacada. Leitores alertam que três mequetrefes tão se aproveitando do trânsito em uma única pista, por conta de obras do serviço Municipal de Água e Saneamento (Semasa), pra atacar as carangas. Os assaltos acontecem sempre ao meio-dia, quando o local tá entupido de possantes.

Os bandidos ficam de olho nos carros que tão com as portas destravadas, vidros abaixados ou com bolsas expostas. O leitor José Corrêa conta que sua família escapou por pouco da bandidagem. Sua mulher foi buscar a filha de nove anos na escola e quando voltava para casa, que fica na Barra do Rio, um traste tentou invadir o possante por uma das portas traseiras do Gol da família.

O atraque rolou às 12h15 e como a mulher tava ligada conseguiu arrancar o carro e travar a porta, escapando do roubo. Côrrea diz que o possante de trás não teve a mesma sorte e um malaco atacou uma senhora de idade.

Três safados teriam agido no dia em que sua família foi atacada. Um ficava de olho nos carangos pros outros praticarem o assalto.

Além do trânsito estar um caos e os motoras terem dificuldades pra siscapar da ação dos safados, tanto o pessoal que trampa na obra quanto os guardinhas da Codetran que ficam no local controlando a passagem dos carros estavam no horário de almoço. Côrrea diz que sua esposa encostou logo em seguida em um posto de gasolina onde uma baratinha da PM estava parada e avisou os policiais da ação dos bandidos.

O tenente Luís Carlos Cruz dos Santos, do setor de comunicação social da polícia militar peixeira, informa que a PM não recebeu nenhuma ligação pra denunciar os trastes que atacaram na rua Blumenau. A denúncia da ação dos bandidos pode ser feita através do telefone de emergência da PM, o 190.

  •  

Deixe uma Resposta