• 28 nov 2009
  • Postado por Tiago

Numa atitude inédita na câmara de Balneário Camboriú, a oposição barrou um pedido de vista sobre o projeto que institui um prazo máximo de 20 dias para atendimento médico de pequerruchos de zero a 12 anos. O arranca-rabo entre os vereadores da oposição e siuação durou 30 minutos

  •  

Deixe uma Resposta