• Postado por Tiago

Um bebum por pouco não provocou uma tragédia na manhã de ontem, em Balneário Camboriú. O cara, que não tinha nem esperado o dia raiar direito pra encher os cornos, passava pelo bairro das Nações trepado em sua motoca quando siperdeu e subiu na calçada. Ele acertou em cheio duas menininhas de 10 anos, que foram levadas pro hospital. O semnoção foi preso, mas acabou liberado depois de pagar fiança.

As amiguinhas R.C.B. e L.S.N., de 10 aninhos, brincavam na calçada em frente ao colégio Presidente Médici, na rua Paraguai, por volta das 9h30 da manhã, quando foram surpreendidas por uma cabrita desgovernada. O policial civil aposentado Sidney Stellmar Netto, 50 anos, que pilotava a moto, placa LYW 6632 (Balneário), siperdeu na boleia, subiu no passeio e atingiu as duas garotinhas.

O pessoal que assistiu tudo, apavorado, chamou o socorro e avisou à puliça militar. Por sorte, as menininhas só tiveram uns machucados, mas nada muito grave. Enquanto os socorristas do Samu acudiam as anjinhas, os meganhas registraram a ocorrência. Eles perceberam que Sidney tava meio esquisito e o fizeram soprar o bafômetro.

Bastou o ex-tira botar a boca no aparelhinho pro ponteiro ir às alturas. Ele ganhou o teje preso e foi levado pra depê pra sisplicar. O cara ficou no xilindró até o início da tarde. Ele desembolsou uma fiança de dois salários mínimos e saiu livre, leve e solto.

As menininhas que ele atropelou foram levadas pro hospital Santa Inês. Depois de medicadas, elas foram liberadas.

  •  

Deixe uma Resposta