• Postado por Tiago

A maioria do pessoal que trampa no cadeião não aderiu ao beicinho da categoria. Ontem só dois dos agentes prisionais, que tavam de folga, resolveram aumentar o coro dos descontentes e ficaram plantados em frente ao presídio, pra tentar convencer os colegas a cruzar os braços

  •  

Deixe uma Resposta