• Postado por Tiago

Começou na manhã de ontem, em Barra Velha, a operação Praia Limpa. A ideia dos tiras é fiscalizar o comércio que não tem alvará da polícia Civil para o funcionamento.

No primeiro dia foram visitados os barecos da área central e do bairro São Cristóvão. Entre as casas visitadas, 15 foram notificadas, porque tavam funcionando sem alvará. Com a operação, a polícia quer mapear todos os barecos da cidade, e reduzir o risco de criminialidade durante a temporada de verão, quando a população da cidade praticamente dobra.

Num primeiro momento os policiais estão orientando donos de bares, restaurantes, balançastetas, e lan-houses da terrinha do pirão, sobre a necessidade de ter o alvará da polícia Civil. Como o documento da puliça é sempre o último a ser expedido ao abrir um comércio, os tiras descobriam alguns locais que não possuíam o alvará por falta de conhecimento e informação. Na maioria dos casos, pelo menos o alvará da prefa estava regular.

Bailão do Adriano

Dos 15 locais que tavam sem alvará, um era o Bailão do Adriano e o outro a boate Mar Azul. Quem for notificado terá um prazo de 10 dias para se adequar às normas. O delegado Marco Marcussi explica que o comércio que não fizer tudo direitinho poderá perder a licença de funcionamento.

  •  

Deixe uma Resposta