• Postado por Tiago

GERAL-CAPA-BASE----roberto-carlos-(7)

Roberto Carlos que o povo nas ruas contra o governador

Depois do bafão que rolou no final da tarde de quinta na câmara de vereadores entre o prefeito Roberto Carlos de Souza (PSDB) e o governador Luiz Henrique da Silveira (PMDB), o mandachuva de Navega vai fechar a BR-470 como protesto. O governador soltou que a prefa dengo-dengo deveria privatizar a via portuária e cobrar pedágio pra arrecadar dindim para as desapropriações. Bob Carlos ficou cabreiro com a declaração e diz que o chefão do estado não tem o direito de cobrar essa grana da população.

?Será que ele é tão pouco inteligente em querer cobrar pedágio de uma rodovia de um quilômetro??, questionou o prefeito. Bob Carlos ficou tão indignado com a resposta de LHS que tá convocando toda a população de Navega pra pintar no Km 3 da BR 470, em frente a casa do Cidade da Criança, às 10h, no dia 16 de dezembro, uma quarta-feira. O barnabé quer protestar contra o governador e botar uma pressão pro estado enviar o restante da grana para a via, cerca de R$ 15 milhões, segundo os cálculos da prefa.

O rolo aconteceu depois que LHS simandou da câmara dengo-dengo, na cerimônia de assinatura da mudança de companhia da PM da city pra batalhão. Bob Carlos começou a berrar na rua chamando o governador de mentiroso e dizendo que ele não estava cumprindo a sua palavra com Navega.

Bob explica que em 2005, LHS prometeu construir a via portuária, mas depois de muita enrolação, firmou um convênio com o Portonave em que a empresa faria a via, e o Estado pagaria as desapropriações, avaliadas na época em R$ 7 mi. Na gestão de Moacir Alfredo Bento (PMDB), o governo repassou uma parcela de R$ 2,5 mi e outra de R$ 1,5 mi. Mas como Ci não prestou contas, o repasse foi cortado. Este ano, Bob apresentou a documentação passada e só assim o restante da bufunfa foi enviado.

O problema é que, com o funcionamento do Portonave, os terrenos na região supervalorizaram. Somente 40% das casas foram desapropriadas, sendo que o restante agora chega a um valor de cerca de R$ 15 milhões. Bob Carlos pediu essa graninha durante o seu discurso na cerimônia e escutou um ?não? bem grande de LHS, que ainda tirou o seu da reta dizendo que o governo já tinha feito a sua parte. O governador encerrou o discurso sugerindo um pedágio na via expressa, o que deu mais pano pra manga ainda.

  •  

Deixe uma Resposta