• Postado por Tiago

CONTRA-BAIXO---s---estudiantes-x-pohang---mundial-de-clubes---foto-divulgação-15.12.09

Denílson fez gol, virou goleiro, mas não evitou derrota

O atacante Denílson, que nunca jogou profissionalmente em gramados tupiniquins, terá muita história pra contar quando retornar ao Brasil. Ontem, o jogador fez um gol contra o Estudiantes pelo Pohang Steelers, mas teve de virar goleiro após o time sul-coreano levar três cartões vermelhos na semifinal do Mundial de Clubes, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes. A equipe do técnico brasileiro Sergio Farias não resistiu à inferioridade numérica durante a maior parte do tempo e foi eliminada com derrota de 2 a 1. Benítez marcou duas vezes pros argentinos, que vão decidir o título do torneio da Fifa.

Agora, a equipe campeã da Libertadores aguarda o vencedor da outra semifinal, entre Barcelona e Atlante, do México, pra conhecer o seu adversário na finalíssima de sábado, às 14h (de Brasília). A segunda semi rola hoje, também às 14h.

Apoiado por cerca de cinco mil torcedores argentinos que foram aos Emirados Árabes, o Estudiantes marcou o primeiro gol só aos 47 minutos. Benítez cobrou falta pra grande área e a bola entrou direto. O ritmo na etapa final foi o mesmo, e os argentinos chegaram ao segundo logo aos oito minutos. Veron cruzou, o goleiro Yong saiu todo errado e viu a bola ficar com Benítez, que só empurrou pras redes.

Os sul-coreanos tiveram um jogador expulso, mas conseguiram diminuir com o brasileiro Denílson. Aos 26, o atacante recebeu completamente impedido e chutou cruzado. O gol foi confirmado. Mas outros dois cartões vermelhos pra galera dos olhos puxados acabaram com as esperanças de reação. Ainda mais depois que Denílson, que marcou os três gols do Pohang na competição, teve que virar goleiro até o fim do jogo.

  •  

Deixe uma Resposta