• Postado por Tiago

INTERNA-10-ABRE---placa-proibido-mototaxi-na-entrada-da-rodoviaria-(2)

Placa avisa motoqueiros sobre a regra polêmica

A nova lei federal caneteada pelo presidente Lula, que regulamenta a profissão de mototaxista, reacendeu o bate-boca sobre a regra que impede os motoqueiros peixeiros de entrarem no terminal de busões. Um acordo de 1998, entre a prefa, a OAB, a polícia militar, o sindicato dos taxistas, a Coletivo Itajaí e o sindicato dos mototaxistas resultou numa lei municipal pra acabar com a bagunça no serviço de mototáxi na cidade e determinou que as cabritas só poderiam trampar 150 metros longe dos pontos de táxi e busões.

Cristiano Vieira, dono de um ponto na rua Brusque há 12 anos, não se conforma com a humilhação que passa sempre que vai de motoquinha até a rodô de Itajaí. ?Os seguranças da rodoviária não deixam a gente entrar e ainda nos expulsam de lá. Além de perder clientes, é um constrangimento enorme?, relata o cabriteiro. O empresário motoqueiro exige que, agora que o governo federal reconheceu a profissão, a lei municipal seja alterada.

O chefão dos guardinhas da Codetran, José Alvercino Ferreira, prepara uma reunião entre motoboys, mototaxistas e representantes do sindicato e das empresas do ramo pra discutir com o pessoal da secretaria de urbanismo como a cidade vai se adaptar às novas exigências da lei federal.

O secretário de urbanismo, Paulo Praun Cunha, confirmou que o próximo passo é discutir a criação da nova lei municipal ou a alteração da que já tá valendo. ?Iremos nos reunir com todos os setores envolvidos e ouvir cada um deles?, prometeu o abobrão.

Nivaldo Dias, presidente do sindicato dos mototaxistas, não quis falar sobre as mudanças da lei porque não tá por dentro do assunto. ?Eu não posso falar nada porque não sei ainda o que tem e o que não tem na lei. Vou esperar pra analisar tudo direitinho e ver como iremos proceder?, afirmou. O sindicalista confirmou presença nos conversês com o pessoal da prefa pra discutir as mudanças na legislação peixeira.

A nova lei

O presidente Lula (PT) sancionou, na quarta-feira, a lei que regulamenta o trampo dos motoboys e mototaxistas em todo o Brasil. Agora, pra poder ganhar uma graninha usando as cabritas, o motoqueiro vai ter que cumprir uma série de exigências e as prefas terão a responsa de fiscalizar e ver se tá tudo nos conformes.

Entre as regrinhas, tá a obrigatoriedade do motoqueiro estar habilitado há no mínimo dois anos e ser maior de 21 anos. O pessoal também vai ter que fazer um cursinho específico pro trampo. Outra exigência da nova lei é o uso de coletes de segurança, cheios daqueles adesivos refletores. Os motoqueiros terão o prazo de um ano pra se adaptar às novas regras.

  •  

Deixe uma Resposta