• Postado por Tiago

O povão do centro de Balneário Camboriú teve que passar mais de duas horas num breu total. No fim da tarde de quinta-feira, um caminhão altão cruzou a rua 904 e detonou com a fiação de telefone e energia. O resultado foram cabos espalhados pela via, sinaleiras apagadas e uma confusão no trânsito.

O monstrengo cruzou a rua com um trator em cima. Juntos, o bruto e a carga somavam quase cinco metros de altura. Como os cabos de telefone ficam a 4,5 metros do chão, o caminhão engalhou no fiozão grosso e carregou toda fiação de luz que tinha junto.

Os cabos sispalharam pelo meio da via. O acidente causou uma queda na energia da avenida Alvin Bauer até o final da Quarta avenida. O apagão durou pouco mais de duas horas, enquanto os peões da Celesc emendavam os fios detonados com a pancada. “No mesmo momento que partiram os cabos, foi desligado o alimentador da Celesc, por isso a situação não oferecia nenhum risco àqueles que passaram por lá”, explica o gerente da agência de Balneário, Arilson Vieira.

Com a falta de luz, as sinaleiras da região se apagaram e o trânsito ficou virado num alho em plena hora de pico. Os motoras apressadinhos sinfiaram em tudo quanto é canto pra tocar a passagem na Terceira e Quarta avenidas e só conseguiram atravancar mais a travessia. A polícia militar e os guardinhas municipais tiveram que sivirar nos 30 pra organizar toda a zona no meio da escuridão. O caminhão causador de toda a lambança conseguiu siscapulir.

  •  

Deixe uma Resposta