• 23 jun 2009
  • Postado por Tiago

a-Grazi-Massafera

SBT e Record apresentam o mesmo filme de sempre

Todo esse barulho causado, a partir do instante em que a Record revelou interesse em Gugu Liberato, mais uma vez nos dá a certeza que planejamento e organização não são as palavras de ordem entre a maioria das emissoras brasileiras. O que se vê e se pratica nos bastidores, nessas últimas horas, nem mais nos surpreende. É a mesma e estúpida irresponsabilidade de sempre. Não por acaso a Globo ocupa o lugar que está. A impressão que passa é que os seus passos são calculados. Nada é feito no calor dos acontecimentos.

A Bandeirantes, entre as grandes redes, pode entrar no quadro das exceções, porque lá também existe respeito ao dinheiro. Quanto às outras, SBT e Record, nem isso.

Se na Record o que move é a posição da Igreja, no SBT é a exacerbada vaidade que está sempre acima de tudo. Porque a Record quis o Gugu, Eliana e Roberto Justus foram imediatamente contratados pelo SBT. O Daniel Castro, na Folha, ainda diz que Celso Freitas pode ser o próximo. O mesmo Celso Freitas que Silvio Santos descartou em 1999, quando teve seu nome lembrado e cotado para substituir Marília Gabriela na apresentação do ?SBT Repórter?. Para os artistas, este é um momento especialmente interessante. De uma hora pra outra, são reconhecidos e passam a receber salários que nunca imaginaram. Estão adorando. E quem não adoraria?

Só que alguém, inevitavelmente, será obrigado a pagar essa conta.

A mesma técnica que determinadas emissoras hoje utilizam para fazer as suas retumbantes contratações, amanhã será usada para dispensar os funcionários mais modestos. Pior é que todos já assistimos a este filme. O final é sempre muito previsível.

Chiadeira ? Parte 1

Inevitável. Carlos Alberto de Nóbrega, em meio a toda essa situação, ontem já reclamava que, em sua última renovação, no começo deste ano, foi obrigado a reduzir salário e fazer contrato por dois anos no máximo.

Chiadeira ? Parte 2

Em se tratando de Hebe Camargo, vale lembrar que no final de 2008, ao renovar por mais quatro anos, também com redução nos vencimentos, ela disse o seguinte: ?entendi perfeitamente que, em tempo de crise, diminuir meu salário era necessário?. A tal crise, para o SBT pelo menos, ao que parece passou rapidinho.

Situação delicada

O que será do ?Aprendiz? na Record? O formato da Fremantle foi comprado até 2011 para ter Roberto Justus como apresentador. Havia um compromisso entre as partes.

Todo jogo estava em cima dos participantes trabalharem com o Justus. Essa era a regra número 1.

Com a saída dele para o SBT, a Record agora não sabe o que fazer do programa.

Série especial

O ?Casseta? agora sempre tem um convidado importante por semana. Foi assim com a Ivete Sangalo e assim será com Fernanda Torres. Ela participou das gravações de ontem.

Não apareceu

Aguardada para ontem, Gisele Itiê não apareceu no Recnov, Rio, para gravar suas primeiras cenas de ?Bela, a feia?.

Já a modelo Viviane Araújo, de tantas passagens pelo ?Zorra Total? e páginas de revistas masculinas, finaliza hoje a sua participação na novela.

Gisele, segundo se informa, ainda está envolvida com o filme de Sylvester Stallone.

C´est fini

Está tenso o ambiente no novo departamento de esportes da Record. Já se fala numa perigosa divisão. As últimas modificações promovidas vieram provocar essa enorme turbulência. Ontem teve início a operação ?panos quentes?, com uma reunião no começo da tarde.

Eva Wilma marca presença na edição inédita do ?Móbile?, que será apresentado por Fernando Faro, amanhã, a partir das 22h10, na TV Cultura.

O ?Pânico? também vive momentos decisivos. Desta semana não passa.

Roberto Justus, no SBT, deverá fazer um programa de entrevistas. Um velho sonho dele.

  •  

Deixe uma Resposta