• Postado por Tiago

p---capotamento-centro-de-itajai.jpg-(8)

Batida foi tão forte que um carro virou no centro peixeiro

Um capotamento parou o trânsito da avenida Joca Brandão, no centro de Itajaí, na tarde de ontem. Duas carangas se chocaram e no impacto do porradaço, uma delas bateu no meio-fio e ficou de pernas pro ar. Durante a manhã, outro capotamento já tinha sido registrado na rodovia Transbeto, na Penha.

O capotamento no centro peixeiro rolou por volta das 13h, quando o pessoal voltava pro trabalho, depois do almoço. Alexandro Cozac, 28 anos, dirigia o Audi A3, placa MGE 1660 (Balneário Camboriú), na rua Camboriú, em direção à Maravilha do Atlântico. Na esquina com a avenida Joca Brandão, o motora porreou com o Eco Sport, placa MFT 1660 (Itajaí), que seguia em direção ao hospital Marieta Konder Bornhausen. O impacto foi tão forte que o Eco Sport bateu no meio-fio e capotou.

O motorista do Eco Sport, José Amaro da Fonseca Oliveira, 55, foi levado junto com a mãe, Zulma Gualberto da Fonseca de Oliveira, 73, pro hospital. A vovozinha, que é cadeirante, e o filho tiveram ferimentos leves. O motora do A3 nada sofreu. O acidente parou o trânsito da city por mais de uma hora, até os guardinhas da Codetran fazerem o laudo do porradaço.

Transbeto

Na Penha, o capotamento rolou por volta das 9h30, quando o motora do Uno, placa DAI 8991 (Itajaí), perdeu o controle da caranga e acabou virando na pista da Transberto ? rodovia que dá acesso ao parque Beto Carrero. O motorista – que não teve o nome divulgado – seguia com a esposa Elsa Sora, 57, e três filhos pra Navegantes, no momento do acidente. O casal foi levado pro hospital Marieta Konder Bornhausen, onde foi constatado que o motorista teve traumatismo craniano e quebrou as pernas. Elsa teve hemorragia interna. Os três filhos do casal nada sofreram.

  •  

Deixe uma Resposta