• Postado por Tiago

INTERNA-POLÍCIA-PAGINA-SETE--acidente-no-chpallin-em-Balneário-Camboriú-(6)

Preju de bareco foi pequeno, mas os cervejeiros tiveram que lavar a roupa

O pessoal que aproveitava a noite de terça-feira pra tomar uma gelada de frente pro mar no restaurante chicoso Chaplin, em Balneário Camboriú, tomou um baita cagaço. Um motora se embananou na hora de virar a esquina e se enfiou num porradaço. Com a batida, foi jogado pra cima da calçada e por pouco não atropelou o povão.

Era por volta das 21h30 e o bar tava pipocando de gente quando, de repente, rolou a cagada na avenida Atlântica. O motora do Fiat Uno, placa LZM-3061 (Balneário), que seguia pela pista da praia, deu a louca de virar na rua 1400.

O sem-noção acendeu o pisca e virou com tudo, sem sitocar que tava na pista errada. Acabou sendo porreado, em cheio, pelo Gol, placa MSC-7621 (Navegantes). Com a esbarrada, o Uno foi jogado pra dentro do boteco.

Por sorte, o pessoal que tava sentado do lado de fora do bar tava esperto no movimento da rua. A galera pulou das mesas mais rápido que queniano em dia de São Silvestre, e todos os clientes conseguiram se safar.

Mas as cadeiras e mesinhas voaram longe. Os copos de cerveja e as canecas de chope também foram pra fita. O Uno só parou quando deu com as fuças na plaquinha da rua, que despencou e ontem precisou ganhar um trato dos barnabés.

Como o Uno ficou muito amassado o povão chegou a pensar que o motora tivesse se estropiado. Os bizolhudos de plantão chamaram os bombeiros, mas o cara teve mais sorte que juízo e não precisou de atendimento. A puliça militar foi chamada e registrou a ocorrência.

Uma das donas do bar, que não quis ter seu nome divulgado, comentou que não rolaram grandes estragos no bar. Mesmo assim, o motora desastrado disse que vai arcar com o prejú e prometeu tomar umas aulas de boleia antes de sair de novo dirigindo pelaí.

  •  

Deixe uma Resposta