• Postado por Tiago

Um dos prédios mais conhecidos do centro histórico da capital, a Alfândega, vai se transformar num espaço pra exposições e lançamentos literários em março. O espaço era usado pela associação Catarinense de Artistas Plásticos (Acap), que vai ter que carcar. A galeria de artesanato fica pra fazer a alegria do povo.

A Casa da Alfândega, que abriga também o instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), passará por uma restauração no telhado. O prédio é de 1876 e tombado como monumento nacional.

Em 1998, parte da Alfândega foi cedida pra Acap por 10 anos. Passados cinco anos, o Estado foi avisado que a área deveria ser desocupada em 30 dias porque ele não tinha o direito de ceder a área pra terceiros. Temendo perder o imóvel, o governo começou a mexer os pauzinhos pra tirar a Acap, que não se coçou até agora.

  •  

Deixe uma Resposta