• Postado por Tiago

A previsão é de altas ondas pra seletiva no findi, que reúne o futuro do surfe brazuca

O tempo já mudou em Santa Catarina e a previsão é de frente fria e altas ondas pra estreia da segunda seletiva sul-americana pro Mundial Sub-20 da ASP, que vai rolar em janeiro, na Austrália. A competição nas águas catarinenses, o Hurley Pro Junior, começa sábado e vai até segunda-feira na Prainha, em São Francisco do Sul, por causa do feriadão de sete de setembro.

E os melhores surfistas com até 20 anos de idade do país já estão a postos pra desfilarem com suas pranchas no marzão catarina. As seletivas classificam quatro surfistas pro time masculino e as duas do feminino que irão representar a América do Sul no próximo mundial da garotada.

Entre os favoritos pra garantir uma vaguinha na equipe que vai pra terra do canguru está o catarinense Alejo Muniz, de Bombinhas, que ganhou a primeira etapa da seletiva, na praia da Ferrugem, em Garopaba. Os outros que estariam classificados são o paulista Miguel Pupo, o baiano Franklin Serpa e o carioca Jerônimo Vargas.

Entre as garotas, a paraibana Diana Cristina largou na frente com o título no sul do estado, mas a barriga-verde Gabriela Leite, de Balneário Barra do Sul, ficou em segundo lugar e também estaria garantida na Austrália se a disputa terminasse hoje.

Abertura

Os 64 surfistas que competiram no masculino em Garopaba, mais as 12 da categoria feminina, já atravessaram o estado pro segundo desafio da temporada, em São Chico. A Associação Francisquense de Surf (AFS) realiza hoje, às 18h, no São Francisco Shopping, a cerimônia de abertura pra promover a confraternização de todos os envolvidos na bagaça, como atletas, patrocinadores, organizadores e imprensa. Também já está programado festerê oficial do campeonato pro sábado a noite, com a surfistada balançando as tetas no Banana Joe.

  •  

Deixe uma Resposta