• Postado por Tiago

“É o mesmo que o impacto de um pingo de chuva no lago”

Ministro Hélio Costa, sobre o impacto das críticas de FHC a Dilma Rousseff

CPI do Pan superfaturado

pode ressuscitar

Faz-se pizza da CPI do Congresso para investigar o superfaturamento nos Jogos Panamericanos do Rio, estimado pelo TCU em R$ 4 bilhões. Parlamentares retiraram apoio e a CPI foi arquivada. Por coincidência, uma sobrinha do senador tucano Álvaro Dias (PR) foi nomeada para um cargo no Ministério do Esporte, mas ele diz que nem sabia disso e mal fala com ela. E agora o senador promete tentar ressuscitar a CPI.

Nova gerência

Valéria Dias perdeu o cargo no Senado por vínculos de parentesco. Agora é gerente de projetos do Ministério do Esporte, no Rio.

Negócios na África

A sobrinha de Álvaro Dias esteve pelo Brasil em uma feira de negócios do futebol na África do Sul, segundo revelou o Blog do Cruz.

Com amigos assim…

Defensores do terrorista Cesare Battisti atribuem “às férias” o número baixo de assinaturas na petição on-line a Lula para asilar o bandido.

Almoço grátis

Ainda sobre o fracasso de bilheteria do filme “Lula, o filho do Brasil”: o brasileiro ama o presidente, desde que não tenha que pagar ingresso…

Petrobras repassou

redução da Cide à gasolina

A Petrobras nega qualquer reajuste da gasolina em suas refinarias. A última alteração de preços foi uma redução de 4,5% em 9 de junho do ano passado, segundo informou a estatal. A BR Distribuidora repassou à rede de postos de bandeira Petrobras em todo país – a redução de R$ 0,08 por litro de gasolina determinada pelo governo para a alíquota da Cide (Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico).

Mérito subjugado

De 3 a 5 de março, o STF promove audiências públicas sobre as cotas que substituem o mérito pela cor da pele, no acesso à universidade.

Só com ingresso

Nos 30 anos do PT do Paraná, só quem tinha ingresso distribuído por políticos petistas pôde ouvir Dilma Rousseff, em Curitiba.

Prazo fatal

Termina hoje o prazo para o deputado Geraldo Magela confirmar se vai disputar com Agnelo Queiroz a candidatura do PT ao governo do DF.

Renúncia de mandato

A inscrição “renúncia de mandato” no site do STJ, ontem, fez muita gente comemorar a renúncia do governador José Roberto Arruda. Mas era as advogadas Luciana Gonçalves e Elise Albuquerque renunciando à defesa do deputado Leonardo Prudente, aquele da grana nas meias.

Cadeia neles

Não basta prender os policiais de Goiás recrutados para o serviço sujo de instalar escutas ilegais nos gabinetes de deputados de oposição, na Câmara Legislativa do DF. É preciso prender o mandante também.

Água e óleo

Tem um problema a sugestão da senadora Lúcia Vânia (GO), de fazer de Tasso Jereissati o vice da chapa tucana, neutralizando Ciro Gomes: José Serra não suporta o cearense. E é plenamente correspondido.

Meus sais

O vice-governador tucano de Santa Catarina, Leonel Pavan – envolvido em escândalo que a Polícia Federal e o Ministério Público apuram – está num spa em Gramado (RS), “por recomendação médica”.

É fria

A nevasca em Washington foi tão intensa ontem que o brasileiro Murilo Portugal, vice-presidente do FMI, não conseguiu chegar ao local de trabalho. Foi obrigado a dar expediente por internet e telefone.

Codinome ‘Ciel’

Candidato a deputado em Brasília, o ex-diretor-geral do Senado Agaciel Maia montou um blog e distribui adesivos que se referem a ele como “Ciel”. É o primeiro candidato com codinome, na História recente.

‘Expertise’

A FAB despachou um tenente-coronel a Dallas, Texas, para examinar um piloto brasileiro do avião EMB-500, fabricado no Brasil. Tirar o bicho do chão só com a ajuda dos “brothers” americanos.

Gol do desrespeito

A companhia aérea GOL perdeu a bagagem de um cliente depois do vôo 1852, trecho São Paulo-Brasília, na última quinta. Quase cinco dias depois, a companhia aérea diz apenas “estar procurando” as malas.

Perguntar não adoece

Lula teve um peripac na pressão, Kirchner numa artéria. O que aguardará Hugo Chávez?

PODER SEM PUDOR

Sarney, o insaciável

Conhecido empresário de Brasília, já falecido, montava a cavalo com o ex-presidente Figueiredo. Num sábado de 1984, em visita às baias do general na Granja do Torto, Figueiredo lastimou-se, bem a seu estilo, dos que o abandonaram: “o Cotonete de Gigante” (Marco Maciel), o “Rolha” (Jarbas Passarinho), que nunca vai fundo e jamais será presidente, e Sarney, o “Pidão”. Bufou o general:

– É o que mais tem cargos no segundo escalão. São 30 e ainda pede mais.

  •  
  • 08 fev 2010
  • Postado por Tiago

“Ilação absurda e irresponsável”

Governador Aécio Neves (PSDB), sobre a possibilidade de ser vice de José Serra

Lula decide vetar Duda na campanha de Dilma

O presidente Lula vetou o marqueteiro Duda Mendonça na campanha de Dilma Rousseff. A ministra se inclinava pela sugestão do ex-ministro José Dirceu e o ex-prefeito de BH Fernando Pimentel, recomendando Duda, mas Lula ordenou que ela se entendesse com o marqueteiro João Santana, já praticamente descartado. Santana já foi reintegrado ao grupo de coordenação de campanha, que se reúne às terças-feiras.

Encantamento

Dilma ficou encantada com comerciais para TV que Duda fez sobre ela, a pedido de amigos do PT, e o chamou para uma animada conversa.

Sem perdão

Lula é grato a Duda, mas não o perdoa pela iniciativa de revelar à CPI que fora pago no exterior pelo seu trabalho na campanha de 2002.

Ajuda discreta

Lula considera Duda Mendonça o melhor do ramo no país, mas achava que sua ajuda seria pessoal, discreta, no máximo fazendo sugestões.

Sobrou para nós

Militares advertem o governo: a crise no governo Hugo Chávez está provocando um verdadeiro êxodo de venezuelanos para o Brasil.

Gasolina: Petrobras troca seis por meia dúzia

Entrou em vigor a redução de R$ 0,08 na Cide (Contribuição sobre Intervenção no Domínio Econômico) sobre comercialização e importação de petróleo e derivados, mas é pura embromação: desde o dia 1º a Petrobras reajustou em R$ 0,08 nas refinarias a gasolina A, que recebe 20% de etanol anidro para virar comum. O reajuste passou despercebido com a discussão sobre redução do álcool na gasolina.

À beira da perfeição

Agora é lei: a alimentação é direito constitucional, como a saúde, habitação, trabalho, seguridade social, etc. Podemos dormir tranquilos.

Escolha seu pesadelo

Quando não é a ministra Dilma ao lado de Lula, é a senadora petista Ideli Salvatti inaugurando obra de aliados em Santa Catarina.

Negócio da França

Se os franceses realmente baixaram em 40% o preço dos caças Rafale para o Brasil, ainda lucram uns 20%, dizem especialistas. No mínimo.

País de tolos

A fundação Getúlio Vargas apurou que nordestinos pobres – maiores beneficiários do Bolsa Família – desconhecem que pagam imposto sobre os alimentos comprados. Devem achar “Impostômetro” palavrão.

Fiel escudeiro

Lobistas já relacionam quem subirá ao poder com Dilma Rousseff, se for eleita. Em todas as listas está Giles Carriconde Azevedo, assessor mais próximo dela desde o governo Alceu Collares (PDT), há 19 anos.

Eterna vigilância

A confederação da Agricultura (CNA) lança nesta terça (9) o observatório Nacional das Inseguranças Jurídicas no Campo, que vai monitorar as ameaças à propriedade rural e ao desenvolvimento da agropecuária. Vai mapear invasões de terra, efetivas ou iminentes.

Banda H

Três gigantes de telefonia celular – TIM, Vivo e Claro – tentam “melar” o leilão da “banda H”, aberto apenas para novas empresas. A Oi está fora do lobby: prefere investir na recém-adquirida Brasil Telecom.

Fim da farra

A companhia de Desenvolvimento Habitacional do DF devolveu 37 dos 250 computadores alugados para 128 funcionários. Esta coluna revelou no último dia 3 que 120 PCs estavam trancados em um depósito.

Empenhou, não pagou

A EBC, da TV do Lula, confirma que empenhou R$ 3,2 milhões, mas não pagou à central Única das Favelas, para uma série de programas com o rapper MV Bill. Preferiu usar a verba para pagar equipamentos.

Estressados

De tanto trabalhar 8h diárias – como a maioria da população brasileira – os servidores do senado estão procurando clínicas de acupuntura e de psicologia para se livrarem do estresse. Nunca trabalharam tanto.

O que é isso, ‘cumpanhêro’?

Dois dos cinco servidores acusados de fraudar o registro de ponto, Cecília Torres e Rafael Aun Ming, não têm vínculo com o senado. São funcionários de confiança do senador José Nery (PSOL-PA).

E o Oscar vai para…

Pela quantidade de fitas gravadas pelo ex-assessor Durval Barbosa, vem aí “Arruda, o filho clandestino”.

PODER SEM PUDOR

Barulho petista

Alvo de denúncia de desvio de toneladas de carne para a penitenciária de Contagem/MG, o então governador Newton Cardoso reuniu os jornalistas, em coletiva, e estranhou:

– Não sei por que esses petistas fazem tanto barulho só por causa de uns bifinhos…

  •  
  • 06 fev 2010
  • Postado por Tiago

“Eu não sou candidato a nada”

Carlos Lupi (Trabalho), diz ficar com Lula “até dezembro”, se o presidente quiser

Pandora: ex-presidente da OAB sob escolta

A ex-presidente da OAB-DF Estefânia Viveiros, que liderou iniciativas contra os denunciados pela operação Caixa de Pandora, da polícia Federal, está sob a proteção de seguranças, em Brasília. Ela se sentiu ameaçada após circular a montagem grosseira de uma foto dela, retirada da revista da OAB, colada em uma imagem de Durval Barbosa, o delator do esquema. Ela denunciou a falsificação à polícia Federal.

Pedra no sapato

Estefânia Viveiros pediu à justiça que os deputados distritais sob suspeita fossem impedidos de investigar eles próprios.

Brasília limpa

Na presidência da OAB-DF, concluída em janeiro, Estefânia Viveiros liderou um movimento para “limpar Brasília de políticos corruptos”.

PF na cola

A PF investiga a origem da montagem fotográfica e a ligação entre seus autores com denunciados pela operação Caixa de Pandora.

Sem renúncia

Indagado sobre os boatos de sua iminência renúncia, o governador do DF, José Roberto Arruda, apenas sorriu. Ele jura inocência.

CNJ suspende exame para desembargador

O conselho Nacional de Justiça suspendeu a resolução do Tribunal de Justiça do Rio, instituindo exame de admissão ao quinto constitucional – medida inédita no judiciário, revelada na coluna, semana passada. Na liminar, a OAB questiona “prova” de “notório saber jurídico” que seria imposta a advogados e membros do Ministério Público, candidatos a desembagador, com cargo vitalício. O tribunal diz que ela é facultativa.

‘Legal e moral’

Para os desembargadores, representados pelo ex-conselheiro da OAB-RJ, João Tancredo, a medida é “legal e principalmente moral”.

Malandragem

A nova Coca-Cola Light Plus esconde uma malandragem: a latinha tem 310ml, mas custa o mesmo que a Coca-Cola Light, de 350ml.

Big Brother

Ouvido na rádio Serpentário, do Itamaraty: consulados e embaixadas poderão ter circuito interno de TV para monitorar o atendimento.

Alencar governador

O presidente nacional do PT, José Eduardo Dutra, confirmou o que esta coluna antecipou na quarta (3): o vice José Alencar pode disputar o governo de Minas. Os pré-candidatos petistas Fernando Pimentel e Patrus Ananias se recusam a apoiar um ao outro, mas fecham com ele.

Prefeitos otimistas

A disposição do PT em apoiar José Alencar para o governo de Minas incendiou a política no estado e devolveu ânimos aos prefeitos petistas, que já fazem romaria ao gabinete do vice-presidente.

Barbas de molho

O presidente nacional da OAB, Ophir Cavalcante, acha que pode haver elementos para o Superior Tribunal de Justiça decretar até mesmo a prisão do governador do DF, por atentar contra a instrução processual.

‘OAB não é MP’

Criminalistas respeitados, como Celso Lemos, de Brasília, receberam com reservas iniciativas do presidente da OAB, Ophir Cavalcante. “Não se pode acusar pessoas sem o devido processo legal”, adverte Lemos, achando Ophir mais vocacionado para chefiar o Ministério Público.

Pobre orgulhoso

O vice-presidente boliviano Álvaro García reagiu contra Lula dizer que a venda gás natural era “solidariedade com a pobre Bolívia”. Lembrou que “contrato se cumpre”. E quem paga mais somos nós, por supuesto.

Sempre compensa

Se em algum século, político ou VIP for preso no Brasil, não passará vicissitudes: seus filhos e mulher terão direito ao auxílio-reclusão de R$ 752 vitalícios. Tem aposentado preferindo morar na cadeia…

  •  
  • 05 fev 2010
  • Postado por Tiago

“A tensão pré-eleitoral de Ciro Gomes é uma coisa compreensível”

Senador Renan Calheiros (PMDB-AL), ironizando o pré-candidato à Presidência

OAB exige o afastamento imediato de Arruda

A prisão de um amigo e suposto operador do governador José Roberto Arruda, tentando subornar uma testemunha da operação Caixa de Pandora, provocou profunda indignação no presidente nacional da OAB, Ophir Cavalcante. Nesta sexta (5), ele convocará uma coletiva para exigir o afastamento imediato do governador. “Chegamos a um quadro de falência múltipla dos órgãos do Distrito Federal”, afirmou.

Repugnância

Para Ophir Cavalcante, “cabe à justiça encontrar meios para pôr um basta à situação no DF, que repugna e deixa perplexa a sociedade”.

Relação negada

O governo do DF negou relação com Antônio Bento, preso ao oferecer R$ 200 mil à testemunha Edson “Sombra”, amigo de Durval Barbosa.

Tudo bem

Já foram superadas as restrições de setores do Ministério da Justiça à escolha de Luís Paulo Barreto para o lugar de Tarso Genro.

Definido

Se for confirmado novo ministro da Justiça, Luís Paulo Barreto manterá no cargo o diretor-geral da Policia Federal, Luiz Fernando Correa.

Lula decidiu pelos Rafale em julho,

na França

A “ideia fixa” de Lula pelos 36 caças Rafale instalou-se há sete meses, quando comemorou o 14 de julho em Paris ao lado do colega francês Nicolas Sarkozy. Como informou a coluna à época, o jornal La Tribune vazou que Lula prometera reforçar a “parceria estratégica” com a França na visita de Sarkozy ao Brasil, em 7 de setembro. No dia 24 de julho, Sarkozy garantiu na TV francesa que o contrato estava fechado.

Lula, o mascate

O preço – US$ 10 bilhões – empacava a negociação. Lula e a Dassault negaram redução do valor em 40%, noticiada na coluna em novembro.

Momento de decisão

O ministro Jobim (Defesa) nega a compra, noticiada pela Folha ontem, mas revelada por esta coluna em janeiro. O lote saiu por US$ 6,2 bi.

Enfim, l’argent

O negócio beneficia, além da claudicante Dassault – que nunca vendeu Rafale -, a Thalès, fabricante dos tubos Pitot da tragédia com o AF 447.

Vice, não

O governador de Minas, Aécio Neves, rechaçou a fofoca de que teria sido “convencido” por FHC a ser vice de José Serra. Ontem, na zona da mata mineira, reafirmou a intenção de disputar o senado.

Caminho livre

O ministro Carlos Lupi (Trabalho), presidente de fato do PDT, ouviu de Lula e repassou a Cristovam Buarque (DF): o presidente não veta e até estimula o apoio do PT à sua reeleição para o senado. Ele acreditou.

Decidido

O PDT definiu que o deputado Antônio Reguffe (PDT), uma das honrosas exceções na câmara legislativa, não vai mais disputar o governo do DF. Ele será candidato a deputado federal.

Fala, Puccinelli

A bancada do PT na assembleia de Mato Grosso do Sul está exigindo do governador André Puccinelli (PMDB) que ele mostre onde estão aplicados, e a que taxa de juros, R$ 850 milhões das transferências voluntárias ao estado. Tais reservas totalizariam R$ 2,4 bilhões.

Trocadilho

Ao saber que Lula cancela visitas ao Paraná só para não encontrar o governador-mala, o deputado Eduardo Sciarra (DEM-PR) não perdeu o trocadilho infame: “Requião não é Perón, mas o presidente o Evita…”

TV de mentirinha

A EBC diz que ainda não gastou “um centavo” do programa da central Única das Favelas na TV do Lula, mas os R$ 3,2 milhões foram pagos, segundo nota de empenho 2008NE002658. O contrato expirou em 2009.

Missão-bomba

O Diário Oficial da União publicou o acordo de cooperação técnica do Brasil com a república islâmica do Afeganistão. Não faltará contingente para integrar o projeto. Sugestões ao Planalto…

Sobrou para a titia

Barack Obama avisou: não moverá um dedo para safar da justiça a tia queniana, imigrante ilegal desde 2004 nos EUA, quando rejeitaram seu asilo político. Vive num abrigo, a coitada. Esses americanos…

Pensando bem (à francesa)…

..mais vale um Lula na mão que dois Rafale voando (e caindo).

PODER SEM PUDOR

Pequena diferença

Batiam papo, no início de 1991, os secretários de Cultura do município de São Paulo, Marilena Chauí, e do estado, Fernando Morais. Ela contou sua reação ao ser convidada para o cargo pela prefeita Luiza Erundina:

– Erundina, eu não posso aceitar, eu não devo aceitar, eu não quero aceitar.

Morais disse quase a mesmo coisa ao governador Orestes Quércia:

– Eu não posso aceitar, eu não devo aceitar, mas quero muito aceitar.

  •  
  • 04 fev 2010
  • Postado por Tiago

“Vamos inaugurar tanta obra que eles vão ficar doidos”

Presidente Lula, garantindo que continuará a inauguração incessante de obras

Pesquisa dá peso maior a municípios remotos

A pesquisa CNT/Sensus, indicando “empate técnico” entre José Serra (PSDB) e Dilma Rousseff (PT), deu peso expressivo, nas entrevistas, a municípios remotos alvos de programas assistencialistas de Lula, como o Bolsa-Família. O Sensus informou ao TSE que no Rio Grande do Norte, por exemplo, ouviu nove pessoas em Natal (508 mil eleitores), onde o PT perdeu em 2008, e 13 em Sítio Novo (4 mil eleitores, 803 bolsas).

Exemplo típico

Em Santa Catarina, o Sensus entrevistou apenas quatro pessoas na capital, Florianópolis (306 mil eleitores), e 13 em Guaraciaba (7,7 mil eleitores).

Outro caso

O Sensus ouviu apenas quatro pessoas na capital capixaba, Vitória (245 mil eleitores), e 17 em Venda Nova do Imigrante (14 mil eleitores).

Ah, bom

Ricardo Guedes, do Sensus, explica que todos os institutos usam a técnica “PPT” (Probabilidade Proporcional ao Tamanho) de municípios.

Empurra que cabe

As notas de R$ 50 e R$ 100 ficarão maiores para barrar falsificadores. “Colecionadores” em meias e cuecas também terão que se adaptar.

Leilão da ‘banda H’ abre guerra

na telefonia

As gigantes Vivo, TIM e Claro fazem lobby na agência Nacional de Telecomunicações pelo direito de participarem do leilão da “banda H” de telefonia celular, ainda este ano. O leilão é vedado às que já atuam no mercado, porque o governo deseja estimular a concorrência, dando chance a outras empresas. Disputam o contrato, de cobertura nacional, a americana Nextel, a francesa Vivendi e a japonesa Docomo.

Seminário

A Anatel estima que vai faturar entre R$ 1,5 bilhão e R$ 3 bilhões no leilão da “banda H” – que será tema, hoje, de um seminário da UnB.

Almoço oficial

Há quase dois meses um servidor almoça em casa usando a Van JCY 4960, com gigantesco logotipo do governo do DF. Paradinha na porta.

Empurra que pega

A imprensa italiana especula sobre a carona de militares do Brasil no porta-aviões Cavour ao Haiti: a Itália quer nos vender um parecido.

Em alta

Anote este nome: José Eduardo Dutra. O ex-senador por Sergipe será muito forte, em eventual governo de Dilma Rousseff. Passou por ela a decisão de retirá-lo do limbo político para assumir a presidência do PT.

O ‘cara’ e o isopor

Um segurança contou à coluna por que Lula levou no ombro o isopor lotado de bebidas, em suas férias no litoral baiano. Diante da hesitação dos seguranças, que temiam expor o isopor suspeito aos fotógrafos, Lula se impacientou: “Deixa que eu levo”. E levou. E foi fotografado.

O Brasil é lá

Uma “brigada” da Via Campesina, que com o MST depreda e invade propriedades rurais, vai ao Haiti. Não para plantar batatas, mas “ajudar com engenheiros e médicos”. Pediu verba ao governo Lula, claro.

Velhice garantida

O Ministério Público do Pará quer barrar a moleza no Tribunal de Contas do Estado: a aposentadoria de temporários e comissionados, como se concursados fossem. São 75, beneficiados por norma interna.

O apagão de Chávez

Crescem os sinais na Venezuela de um golpe de estado ao estilo de Honduras para derrubar o tiranete Hugo Chávez. O Brasil vai ajudar a resolver os problemas energéticos, afinal, lá tem eleição em setembro.

TCU libera obra

Auditoria do Tribunal de Contas da União verificou denúncia de irregularidades na duplicação da rodovia que liga Maceió ao paraíso da Barra de S. Miguel (AL), no valor de R$ 138,3 milhões. Encontrou algumas “discrepâncias”, mas corrigíveis. E arquivou a denúncia.

Mortalidade materna

A comissão de Assuntos Sociais do Senado criou comitês de prevenção à mortalidade materna. A meta é reduzir casos de morte em 75%, até 2015. No Brasil, não houve redução entre 1990 e 2006.

Chefe incômodo

Pedra no sapato do governador Ivo Cassol (RO), o procurador da República, Reginaldo Pereira Trindade é o chefe do Ministério Público Federal no estado. Foi quem denunciou Cassol por compra de votos.

Pensando bem…

…o ministro Tarso Genro “deixar a Justiça” não passa de um pleonasmo.

PODER SEM PUDOR

Eleitor ‘pedinte’

Certa vez, numa conversa sobre histórias de eleitores vigaristas, o deputado Sandro Mabel (PMDB-GO) contou que, em campanha, um eleitor lhe pediu R$ 50, que foram prontamente negados. Seguiu-se um diálogo insólito:

– Serve R$ 30, deputado… Nem R$ 5?

– Nadinha…

– E esse cigarro que o senhor tem aí no bolso?

– Não é cigarro, é colírio – respondeu Mabel, já irritado.

– Então pingue uma gota aqui no olho…

  •  
  • 03 fev 2010
  • Postado por Tiago

“Se Ele não quiser me levar, não há câncer que me leve”

Vice José Alencar, após lembrar que “Deus não precisa de um câncer para me levar”

MG: PT pode apoiar Alencar para governador

O acirramento de ânimos entre os petistas Patrus Ananias e Fernando Pimentel, que não abrem mão de suas pré-candidaturas ao governo de Minas Gerais, levou a cúpula do PT a propor um nome de consenso na disputa pela sucessão do tucano Aécio Neves: o vice José Alencar. Tanto o ministro Patrus (Desenvolvimento Social) quanto Pimentel, ex-prefeito de BH, admitem a solução. Só não aceitam apoiar um ao outro.

O amor é lindo

Em público, fingem cordialidade; em particular, Patrus Ananias espuma de raiva de Fernando Pimentel. E é correspondido com todo o fervor.

Balão de ensaio

O apoio do PT à candidatura de José Alencar ao senado, sugerido por Lula, foi tão bem recebido que evoluiu como opção para governador.

Radicalizou

Ligado a Dilma Rousseff, Fernando Pimentel vetou na coordenação da campanha o ministro Luiz Dulci, por sua amizade a Patrus Ananias.

Sorrindo à toa

Dilma Rousseff voltou a reunir ontem, em sua casa, durante almoço, os coordenadores da campanha presidencial. O clima foi de celebração.

MP espera mais do delator

do ‘DEMsalão’

O Ministério Público pode rever o acordo de “delação premiada” com Durval Barbosa, que revelou o “DEMsalão”. Os promotores apreciaram sua espantosa produção de vídeos, mostrando distribuição de dinheiro a políticos, mas acham que Barbosa esconde o jogo sobre o suposto esquema de corrupção do governo de Joaquim Roriz, quando ele presidiu a estatal Codeplan e acabou réu em 32 processos criminais.

Troca incômoda

Setores da polícia Federal recebem mal a substituição de Tarso Genro pelo secretário executivo Luiz Paulo Barreto, no Ministério da Justiça.

Tô fora

O prefeito de Maceió, Cícero Almeida – quase 90% de aprovação – tem dito que seu coração não o aconselha a disputar o governo estadual.

Tudo em casa

Uma funcionária que afanou R$ 25 mil da embaixada em Berlim, conforme apurou o TCU, voltou a Brasília com alto cargo no Itamaraty.

Campanha top

Dilma Rousseff começará a campanha com um problema de imagem: a do seu coordenador, o aspone aleatório Marco Aurélio Garcia – aquele do top-top após a tragédia com o avião da TAM. Se um gesto diz tudo…

Mala sem alça

O ex-presidente do PT, Ricardo Berzoini continua indo às reuniões de coordenação da candidatura Dilma Rousseff. Mas ela já não sabe o que fazer para que ele perceba como sua ausência seria bem recebida.

Gratidão manauara

É por gratidão que o governador do Amazonas, Eduardo Braga, é tão sensível aos acenos do presidenciável José Serra. É que foi decisivo o jantar que Serra ofereceu aos presidentes da Fifa e da CBF, e convidou Braga. Dali Manaus saiu definida como sub-sede da copa de 2014.

Espelho meu

Como esta coluna antecipou há uma semana, os aliados do governador do DF, José Roberto Arruda, elegeram ontem por 15×7 votos o deputado Wilson Lima (PR) o novo presidente da câmara legislativa.

Dois senhores

Criada por um ex-genro de FHC, João Rodarte, a empresa Cia de Notícias (CDN) cresceu durante a era tucana, mas optou pela dupla militância, prestando serviços a governos petistas e tucanos.

Sem problemas

Presidente da FSB Comunicação, Francisco Brandão não vê problema em prestar serviços a órgãos do governo federal e do governo Serra. E afirma que sua empresa não vai atuar em campanha presidencial.

Só um apareceu

Presidente da igreja Batista Central de Brasília, o pastor Vilarindo Lima, diz que só o deputado Leonardo Prudente, o das meias, foi à festa na igreja do neto e pastor Ricardo Espíndola, réu em vários processos. O pastor diz ter sido “evento interno, sem conotação política”. Ah, bom.

Olimpíada companheira

O gabinete do ministro Orlando Silva (Esporte) tem um chefe e 30 assessores. A nova lista dos cargos em comissão ocupa uma página e meia do Diário Oficial de ontem (2). Devem bater um bolão…

Pensando bem…

…o PT tem Delúbio, o DEM e o PSDB têm o dilúvio, em São Paulo.

PODER SEM PUDOR

O coelho e a coelha

Mulherengo assumido, Sebastião Barbosa era prefeito de Minas Novas (MG) e mandou calçar o Beco da Joana, projeto de rua num bairro afastado. Logo a oposição o acusou de beneficiar o lugar porque morava ali a sua namorada. Sebastião respondeu aos críticos no palanque da inauguração:

– Sou homem de visão, só antecipei o calçamento que ocorreria no futuro.
Depois, com um sorriso maroto, confundiu o velho adágio popular:

– Matei dois coelhos com uma caixa d’água só…

  •  
  • 02 fev 2010
  • Postado por Tiago

“Ela usa um canhão, enquanto o adversário, um estilingue”

Senador Álvaro Dias (PSDB-PR), sobre o início da campanha de Dilma Rousseff (PT)

Serra ‘pisca’ e se distancia de candidatura

A pesquisa CNT/Sensus, apontando “empate técnico” entre José Serra (PSDB) e Dilma Rousseff (PT), deve levar o tucano a antecipar o anúncio da decisão sobre o cargo que vai disputar nas eleições. “Ele piscou”, diz um assessor tucano, para quem a cada pesquisa Serra se distancia da disputa presidencial e se volta para a reeleição. O governador já esperava os números divulgados ontem: ele tem 33,2%, Dilma 27,8%.

Embalo

Esta coluna revelou que pesquisas internas do PSDB já apontavam essa tendência. Mais: prevêem que Dilma ultrapassa Serra em maio.

Condor: ex-policial processa quem o denunciou

O ex-policial gaúcho João Augusto da Rosa (“Irno”) está processando o jornalista Luiz Cláudio Cunha, autor do livro “Operação Condor: O Sequestro dos Uruguaios” (L&PM, 2008), que conta o sequestro de Lílian Celiberti, dois filhos menores e Universindo Diaz, em 1978. “Irno” recebeu Cunha com pistola apontada para sua testa, no local em Porto Alegre onde Dops e o Exército uruguaio mantinham Lílian seqüestrada.

‘Provas’ indisponíveis

Irno alega na Justiça que Luiz Claudio Cunha não citou sua “absolvição por falta de provas”. É que as “provas” estavam presas, sob tortura.

Vítima encara o algoz

Quinta (4), às 15h, na 18ª Vara Cível de Porto Alegre, a “prova” Lilian Celiberti estará frente a frente com o seqüestrador “Irno”, após 32 anos.

Fator Ciro

Sensus e Vox Populi atestam a advertência intuitiva de Lula: se Ciro (PSB) não disputar a presidência, Serra (PSDB) herdará seus votos.

Questão de lei…

Faturando R$ 1 bilhão em quase cem convênios milionários de planos de saúde no governo, a Fundação Geap empatou no STF, em 2×2, o julgamento que pode acabar a farra. O ministro Dias Toffoli pediu vista.

…e moralidade

A alegação de que a Geap é mais barata e que atende aos velhinhos não cola graças à farta documentação do Tribunal de Contas da União, por questão de moralidade: a Geap passa ignora a Lei de Licitações.

Pais e filhos

O americano David Goldman, que ganhou a custódia do filho Sean após longa batalha judicial no Brasil, ajuda outros pais através da Fundação que criou nos EUA. Um deles, segundo a CTV, do Canadá, é François Larivée, cujo filho está no Brasil com a ex-mulher brasileira.

Está tudo dominado

A Associação Brasileira de Imprensa faz assembléia-geral hoje (2) para reformar seu estatuto e suprimir a “inelegibilidade de diretores após o segundo mandado”. Na língua de Hugo Chávez, reeleição indefinida.

Pensando bem…

…é melhor ter crise de hipertensão que de inflação.

PODER SEM PUDOR

Como enrolar eleitor

Quando a comitiva de Lula chegou a Petrolina, certa vez, uma eleitora foi logo pedindo ao deputado Gonzaga Patriota (PT-PE), então candidato a prefeito da cidade, a realização de um sonho: receber Lula em sua modesta casinha.

– Claro, pode esperar: ele chega lá às 14h30.

Ao contar isso numa roda, colegas de Patriota o censuraram por prometer o que não poderia cumprir. Ele explicou a jogada, com um sorriso maroto:

– Eu é que vou a casa dela, digo que o Lula precisou ir embora…

  •  
  • 01 fev 2010
  • Postado por Tiago

“Ela quer mandar em tudo… É autoritária mesmo”

Presidente do PSDB, Sérgio Guerra (PE), sobre a ministra petista Dilma Rousseff

DF: igreja evangélica faz festa para acusados

Líder da Igreja Batista Central de Brasília, o pastor Vilarindo Lima confirmou que o neto e também pastor Ricardo Espíndola está “licenciado” e organizou uma festa na igreja reunindo vários deputados distritais acusados no “DEMsalão”, mas nega relação do neto com o escândalo. Ricardo assessorava Durval Barbosa, o homem das fitas, na Codeplan, do governo do DF, e enfrenta com ele vários processos.

Sem política

O pastor Vilarindo nega “conotação política” no evento, com a presença de Leonardo Prudente, o das meias. E que ele seja membro da igreja.

A polêmica oração

O líder evangélico também nega haver abençoado os deputados que apareceram num vídeo “agradecendo a Deus” pelo dinheiro.

Proibido criticar

A governadora do Pará, Ana Julia Carepa (PT), inaugurou blog e twitter. Ambos, claro, bloqueados para comentários ou críticas.

Amazonas: ministro suspeito de fazer fofoca

Amigos do governador do Amazonas, Eduardo Braga (PMDB), acham que foi Alfredo Nascimento (Transportes) quem “envenenou” seu relacionamento com o presidente Lula. Candidato a governador, o ministro não se conforma com o apoio de Braga ao vice, Omar Aziz. O fato é que Lula andou falando mal do governador, citando-o entre os supostos “traidores” do PMDB que podem apoiar o tucano José Serra.

Prima dona

Com um governo aprovado por 80% da população, o atual governador do Amazonas é o “cabo eleitoral” mais cortejado no Estado.

Proteção

A Câmara dos Deputados continua em fevereiro a análise do projeto que cria vagões só para mulheres, em trens e metrôs de todo o País.

Nem tanto

O arrasa-quarteirões “Avatar” se aproxima do sétimo fim de semana no topo das bilheterias de todo o mundo. Já “Lula, o Filho do Brasil”…

Rebordosa

Em meados de 2009, o governo Lula extinguiu um importante estímulo às exportações, o crédito-prêmio do IPI. Já em dezembro, veio a rebordosa: o volume de importações foi maior que o das exportações.

Boicote ao cartel…

Consumidores enfurecidos com o “cartel da BR” propõe na internet o boicote aos postos da distribuidora da Petrobras, que, segundo o governo Lula, já teria conquistado nossa “autosuficiência” em petróleo.

…contra exploração

No Paraguai, o litro da gasolina custa R$ 1,45, sem adição de álcool, contra R$ 2,67 no DF. E o Brasil, que reclama da falta de estoque de álcool, vende o produto a países vizinhos por R$ 0,35 o litro.

Pólo recuou 14,21%

O pólo industrial de Manaus faturou US$ 2,4 bilhões em dezembro, 55,38% a mais que no mesmo período de 2008. No total, informa a Suframa, fechou o ano com US$ 25,9 bilhões, uma queda de 14,21%.

Hora do almoço

O Instituto Médico Legal do DF confirma que a partir desta segunda vai fechar na hora do almoço, mas não para a rapaziada tirar a barriga da miséria e sim em razão de obras no prédio, por uma semana. Ah, bom.

Doença silenciosa

Pesquisa do Grupo Otimismo de Apoio a portadores de hepatite C revela que entre três e quatro milhões de brasileiros têm a doença e não sabem. Atendidos pelo SUS serão cerca de 13 mil em 2010 – aumento de 7% a 10%. É irrelevante, diz o presidente Carlos Varaldo.

Metrô de doido

Uma leitora pegou em Ipanema o metrô Zona Norte, às 19h50 de quinta, para saltar na estação Cardeal Arcoverde, em Copacabana. O trem só parou uma estação adiante. Carioca, não entendeu nada. Imagine os turistas…

Programa de índio

A Funai pretende repassar para 63 índios cerca de 4.320 mil hectares produtivos de 300 famílias em Getúlio Vargas (RS). A titularidade das terras é do início do século XX. O ambiente é de revolta na região.

Pensando bem…

…Lula confundiu esteira ergométrica com escada de avião.

PODER SEM PUDOR

Patrimônio ameaçado

Ainda no primeiro governo FHC, o senador Gilberto Miranda (AM), alvejado por denúncias de sonegação, ameaçou trocar o PMDB pelo PFL (atual DEM). Caiu na galhofa. O senador e poeta Ronaldo Cunha Lima (PB) fez um trocadilho:

– A saída do Gilberto, eu só aceito imposto!

Até o gaúcho Pedro Simon, em geral sisudo, tirou a sua “casquinha”:

– Gilberto, não podemos abrir mão de você. É o nosso maior patrimônio!

  •  
  • 30 jan 2010
  • Postado por Tiago

“Os jornalistas ainda não pararam com o linchamento político”

Ministro Paulo Vanucchi, defendendo – ainda – seu plano de rever a Lei da Anistia

‘Cansaço’? Lula sempre tira férias. Desde 2005

São cinco, no máximo 12 dias, é verdade, mas o presidente sempre descansou ao longo dos dois mandatos – desmentindo o “trabalhador compulsivo” descrito por assessores. Em 2005, passou o Carnaval na Marambaia (RJ). Em janeiro de 2006, quatro dias na base de Aratu (MA). Em fevereiro, Carnaval em praia no Piauí, após as denúncias do mensalão. Em abril, Forte dos Andradas, no Guarujá (SP).

Bendito Carnaval

Voltou ao Forte com d. Marisa no início de 2007, e repetiu a dose no Carnaval. Em 2008, passou de novo o Carnaval lá. Foram nove dias.

Quem é do ar não enjoa

E cá para nós, o presidente não viaja espremido na classe econômica ou dormindo na janelinha. O Air Force 51 tem até cama de casal.

A culpa é da Dilma

A agenda presidencial, quase sempre encerrada à 18h, foi tumultuada com as “inaugurações” do PAC. Aí, nem torneiro-mecânico aguenta.

Pandora: PPS-DF na mira do Ministério Público

Presidente do PPS-DF até ontem, Ricardo Barreto também está na mira do Ministério Público do DF. Citado por Durval Barbosa, ele representaria em Brasília a empresa de informática DBA, que tem sede no Rio e clientes como Petrobras, Caixa, ministérios e o fundo de pensão Previ. Durval disse que Barreto se “apropriava” de 40% da propina paga por fornecedores da Secretaria de Saúde do DF.

Ninguém sabe, ninguém viu

Aposentados e pensionistas do Aerus ignoram quanto rendeu o leilão de ativos da Varig, em outubro de 2009, e o de obras de arte, em 2007.

O que mata mais

A Organização Mundial de Saúde revela: 14,7 mil morreram de gripe suína no mundo. Só de coração e derrames, são 14 milhões por ano.

Mentirinha

No discurso em Recife, quinta-feira, a ministra Dilma atribuiu a Ariano Suassuna frevo de Capiba com a letra “madeira que cupim não rói”. É “madeira de lei”. E Suassuna é paraibano, não pernambucano.

Calou por quê?

Após fazer de púlpito a embaixada do Brasil em Honduras, o presidente deposto Manuel Zelaya fechou-se em copas na casa que lhe destinaram na República Dominicana. Vigiado por câmeras e seguranças 24h, diz o jornal local El Nacional, Zelaya “se enconde”.

Alergia a voto

A União Nacional dos Estudantes “elegeu” o novo presidente outra vez pela via indireta, seguindo o modelito de presidentes do período autoritário. Tudo para que a UNE permaneça aparelhada pelo PCdoB.

A vitória do silêncio

O Tribunal de Justiça de Minas deu ganho de causa a um morador de Divinópolis que estendeu faixa de protesto na rua: “Um dia esta desgraça da Igreja Maranata sumirá daqui e nos deixará em paz.”

Só projeto

A Empresa Brasileira de Comunicação (EBC) confirma o interesse no programa da Central Única das Favelas, do rapper MV Bill, mas ainda não gastou na TV do Lula “um centavo” dos R$ 3,2 milhões do projeto.

Saudosa maloca

O prefeito de Palhoça (SC), Ronério Heiderscheidt, e a mulher, tiveram bloqueados pela Justiça dois terrenos, supostamente para faturar com uma fábrica de sorvete, inclusive falsificando lei e assinaturas.

Inequívoco interesse

Em off, gente da Policia Civil do DF afirma que familiares de José Guilherme Villela e demais vítimas não se interessam pela investigação da chacina ocorrida há 5 meses. Oficialmente, agora, diz o contrário: não só colaboram como têm “inequívoco interesse” nas investigações.

PODER SEM PUDOR

Episódio ‘estranho’

Logo depois da renúncia de Jânio Quadros, o ministros civis Oscar Pedroso Horta (Justiça) e Quintanilha Ribeiro (Casa Civil) provocaram uma reunião com os militares, insinuando um apoio das tropas ao presidente. Após a reunião, o oficial Ernesto Geisel, ajudante de ordens do ministro da Guerra, voltou para pegar uma pasta esquecida, e contou aos chefes militares:

– Preciso relatar um episódio muito estranho: encontrei os dois ministros rindo à solta e dizendo que haviam conseguido enganar os senhores.
Pelo sim, pelo não, nenhum chefe militar impediu que Jânio fosse embora.

  •  
  • 29 jan 2010
  • Postado por Tiago

“A Dilma é brava. Mulher tem que ser brava mesmo”

Presidente Lula, defendendo sua candidata à sucessão presidencial

No Rio, candidato a desembargador fará prova

A resolução do Tribunal de Justiça do Rio é inédita: candidatos a desembargador pelo quinto constitucional – advogados e membros do Ministério Público, indicados em lista tríplice – terão que fazer exame comprovando o “notório saber jurídico”. Descontente com os “critérios subjetivos e políticos” dos indicados, que ferem os “princípios constitucionais”, o TJ-RJ exigirá nota mínima de 7, no “vestibular”.

Fim da boquinha

Um dos desembargadores responsáveis pela resolução, diz que a exigência vai restringir a “boquinha” vitalícia de R$ 25 mil mensais.

De médico e louco…

Tem internauta culpando aquela caixa de isopor na cabeça pela crise de hipertensão de Lula. Pode ser, com aquele calorão…

Muda o filme

Primeiro, o diretor de “Lula, o filho do Brasil” sofreu um acidente de carro. Agora o próprio filho do Brasil parou no hospital. Toc, toc.

Fome zero

A Presidência da República vai gastar este ano R$ 50,4 mil em ração para animais, nas residências do Torto e do Palácio Alvorada.

Controle de ponto cria polêmica no Senado

O Sindicato dos Servidores do Poder Legislativo ameaça recorrer ao Judiciário para suspender a execução de ato do 1º Secretário do Senado, Heráclito Fortes (DEM-PI), implantando o controle eletrônico de freqüência, a partir de fevereiro. Segundo Magno Mello, presidente do Sindilegis, a norma valerá pra todos ou não valerá pra ninguém. Alguns diretores da Casa estão dispensados da exigência.

Os escolhidos

O ato do 1º secretário abre brecha para que os senadores possam isentar do controle de ponto quem eles quiserem.

Mãozinha

O ato ajudará os fantasmas e atende o apelo de senadores que, em ano eleitoral, gostariam de reforço dos apadrinhados nos estados.

Que remédio…

Já pipoca no Twitter: “ao invés de título de estadista global, Lula recebeu receita de estatina total para baixar o colesterol…”

Tô fora

O ex-ministro Paulo Renato Souza, secretário da Educação em São Paulo, informou à cúpula tucana que não será candidato a deputado federal. Ele anda muito desapontado com a atividade política.

O herdeiro

Com a saída de Paulo Renato da disputa, o tucano Walter Feldman será destinatário de grande parte dos votos das estrelas do PSDB, especialmente aqueles sob influência do governador José Serra.

ONG petista na mira

O Tribunal de Justiça de São Paulo deve decidir na terça (2) se quebra o sigilo fiscal, bancário e financeiro do Instituto Florestan Fernandes, a pedido do Ministério Público. Em 2006, acusou o Instituto de contratos irregulares de mais de R$ 12 milhões na prefeitura de Marta Suplicy.

MP pede ajuda

Procuradores de Justiça no DF têm sido solicitados por promotores do Ministério Público Federal para auxiliar nas investigações da operação Caixa de Pandora, da Polícia Federal. Há muito a investigar, ainda.

Condenado

O Tribunal de Justiça do DF condenou o ex-governador Joaquim Roriz (PSC) a devolver aos cofres públicos o que foi gasto com um jornal “Nossa Terra”. Para o TJ, pura propaganda com dinheiro público.

Lamúrias presidenciais

Lula se queixou do governador do Amazonas, Eduardo Braga, durante uma conversa reservada no Recife, quinta à noite. Teme que ele esteja entre os “traidores do PMDB” que flertam com o tucano José Serra.

Trair e coçar…

…é só começar: governador de Rondônia, Ivo Cassol (PP), que deseja ser senador, puxou o tapete de Expedito Jr, que sempre o defendeu no Senado, e apoia o vice João Cahulla ao governo. Cassol quer voltar em 2014 e acha que, eleito agora, Expedito será mais difícil de enfrentar.

Maçã podre

Com essa você não contava, Steve Jobs. Esqueça iPhone, iPod e iPad: o governo Lula vai lançar em breve o iPac, o iDilma e o iPhod. E a prefeitura de São Paulo está analisando a criação de um iChente.

Pensando bem…

…com tanto PAC aqui, PAC acolá, Lula quase teve um “peripac”.

PODER SEM PUDOR

O seguro morreu de velho

Prefeito de São Paulo em 1987, Jânio Quadros tinha um hábito peculiar, sempre que se falava no nome do ex-governador Paulo Maluf em seu gabinete. Instintivamente enfiava as mãos no bolso e dizia para seus auxiliares mais próximos:

– Instinto de sobrevivência! Não gosto de surpresas indefensáveis.

Todos caíam na risada.

  •  
Próxima Página »