• Postado por Tiago

Reforma do Irineu Bornhausen tá entre as prioridades da FME pra este ano

O perrengue do surfe camboriuense não é só porque a verba da lei não vai mais pra liga. Segundo Elder, a prefeitura perdeu alguns recibos da prestação de contas de 2006 da ASBC, comprometendo a situação do CNPJ da associação. ?Eu entreguei tudo, mas eles cobram uma dívida de cerca de R$ 40 mil?, diz. O ex-mandachuva da LERBC também afirma que tem como comprovar, mas que a FME não o recebe pra conversar e a questão pode ir pra dona justa. ?Nós não somos profissionais da contabilidade. Apresentei alguns recibos errados e não aceitaram, mas entreguei tudo certinho e os caras não me recebem. Sei lá o que eles fizeram com a papelada?, completa.

Sandro Bernardoni, superintendente da FME, diz que não tem nada a ver com a suposta inadimplência da ASBC e que, se eles estiverem devendo, quem tem que cuidar do caso é o Ministério Público. Mas o abobrão garantiu que a verba que era repassada pra LERBC está incluída no orçamento de R$ 1,2 milhão destinado à realização e apoio de eventos esportivos das 31 modalidades existentes na city. ?A lei autoriza, não obriga. Nós preferimos gerenciar esse dinheiro pra todas as modalidades do que repassar à LERBC?, explica o chefão.

O superintendente ainda afirma que serão gastos mais de R$ 1,9 milhões em manutenção e reforma de complexos esportivos, R$ 1 milhão na implantação do projeto de surfe Onda Perfeita, R$ 260 mil na compra de um ônibus, R$ 150 mil em construção de praças esportivas e R$ 100 mil em revitalização de espaços esportivos comunitários.

Com mais R$ 1,5 milhões, usados pra manutenção das atividades administrativas da fundação, o chefão da FME fecha o orçamento do esporte pra 2010. ?Ainda vou sentar com o prefeito e discutir a distribuição desse dinheiro. Quero dar prioridade para as reformas dos ginásios?, frisa.

Sandro também fala que os ginásios estão em péssimas condições de prática desportiva. ?Vai lá no Irineu Bornhausen pra ti ver o estado dele. Temos que deixar nossas quadras em condições apropriadas para a prática. Hoje, no estado que elas estão, facilmente uma pessoa pode sofrer uma lesão?, completa.

Prioridades da FME pra 2010

– Recuperar espaços esportivos municipais que não estão adequados pra prática esportiva;

– Conseguir transferir pro município os terrenos onde há ginásios e campos pra receberem recursos federais;

– Desenvolver escolinhas e melhorar as condições dos esportes de alto rendimento;

– Onda Perfeita – O projeto visa adequar o canto da praia do Buraco, que possui fundo de pedra, para formação de ondulações permanentes pra prática do surf;

– Reformas dos complexos – A prioridade é reformar os ginásios Irineu Bornhausen, assim como o ginásio Sérgio Lorenzato e fazer o preventivo de incêndio no ginásio Ivo Silveira pra promover eventos esportivos.

– Espaços comunitários – Manutenção dos campos de futebol e das quadras de areia.

– Praças esportivas – Criação da praça da Juventude, em parceria com o governo federal. Mas esse projeto só é viabilizado se a cidade tiver no mínimo 200 mil pessoas. Por isso, a ideia é fazer uma parceira com alguma cidade vizinha. Segundo o superintendente da FME, é preciso um terreno de 55 x 75m pra construir ginásio, quadra poliesportiva, pista de skate e uma área pra realização de eventos das diversas modalidades existente no município.

  •  
  • Postado por Tiago

Pra quem gosta de uma jogatina, aqui é liberado

Jacuzzis atraem os marmanjos, mas a festa é das crianças

Vista panorâmica na academia: desse jeito fica fácil malhar!

Elevador panorâmico faz a alegria dos passageiros

No Imperatriz você faz massagem olhando o mar, só tem que pagar

Não faltam opções de lazer no transatlântico. Para a criançada, além das piscinas e das jacuzzis, há um espaço com jogos e tripulantes que fazem a recriação. Também foi criada uma parede de escalada, onde pode-se testar toda a adrenalina de subir o paredão tendo o mar aos seus pés.

Para os mais grandinhos, a primeira opção é a boate Disco. O agito na pista começa às 0h30 e segue até às 5h. O clima é igual ao de uma boate. Há meses e cadeiras em volta, a pista é redonda e o globo central dá o clima dance para a noite. No bar, as opções de bebidas vão de uísques a drinks feitos na hora.

Curiosamente, acima da boate está a academia de ginástica. Todos os equipamentos, desde esteira à aparelhos de musculação, ficam à disposição das 8h às 20h. Assim como na maior parte das salas do Imperatriz, a academia tem vista para o mar.

Mas voltando as festas, o salão Broadway está no 5º e 6º decks e nele, como sugere o nome, acontecem todos os espetáculos e as noites de gala do navio. Têm shows latinos, teatrais, de tangos, entre outros gêneros. Toda parte de diversão é preparada pelo diretor de cruzeiro, Francisco Murmura. ?Temos a preocupação de preparar uma programação para agradar o público de todas as idades?, explicou.

O Cassino Monte Carlo ocupa dois decks do Imperatriz e fica aberto durante toda a madrugada. A única orientação seguida é de ligar as máquinas quando o Imperatriz já está longe da costa, onde é considerada área internacional, e não há problemas com a legislação brasileira ? que não permite jogos de azar no país.

No Monte Carlo as mesas de pôquer, roleta americana e eletrônica, mesa de 21, caça-níquel, videopôquer e diversos modelos de máquinas de bingo chamam o cliente à diversão. Quem tem dinheiro sobrando passa madrugadas inteiras jogando, e bebendo na faixa.

O salão Rendez-Vous e o El Embarcadore Salon Piano Bar completam a parte de lazer do navio. No Rendez-Vous há shows de samba e pagode para noites para lá de calientes. No El Embarcadore, um piano dita o ritmo da noite. Para aqueles que a diversão é comprar, a festa pode ser feita numa galeria de lojas que são livres de impostos. Assim como o cassino, ela só funciona quando o navio está navegando. Há roupas, perfumes e bebidas chiquetosas por preços bem bacanas.

Fica fácil

Com todas essas opções de lazer, tá explicado porque sábado a praça Vidal Ramos estava cheia de pessoas que aguardavam ansiosas para embarcar no Imperatriz. Segundo o diretor de contas da CVC, Radames Kalipo, só neste sábado em Itajaí, embarcaram 800 pessoas na city, sendo que mais 800 tavam desembarcando. Radames diz que o turismo de cruzeiro vem crescendo em Itajaí e a facilidade de acesso é um dos atrativos da cidade. ?É fácil para as pessoas chegarem e saírem de Itajaí?, opinou.

Radames acredita que hoje Itajaí tem a melhor estrutura para receber os passageiros de transatlântico e a facilidade de embarque e desembarque fará este tipo de turismo crescer cada vez mais na região. A CVC acredita tanto neste crescimento que está preparando para 2010 a abertura de um escritório da empresa em Itajaí.

  •  
  • 18 jan 2010
  • Postado por Tiago

Vendo como um navio de cruzeiro é chiquetoso, se entende porque a galera economiza dindim, enfrenta fila e vem de várias partes da Santa & Bela, para embarcar num transatlântico em Itajaí. Um luxo!

  •  
  • 18 jan 2010
  • Postado por Tiago

Vendo como um navio de cruzeiro é chiquetoso, se entende porque a galera economiza dindim, enfrenta fila e vem de várias partes da Santa & Bela, para embarcar num transatlântico em Itajaí. Um luxo!

  •  
  • Postado por Tiago

O requinte está presente em todos os ambientes do navio

Passageiros disputam este espaço a tapa: piscina e bebida grátis

Texto: Franciele Marcon

Fotos: Felipe Trojan

Imperatriz é uma majestade. Seu reino são as águas do Oceano Atlântico. Com 10 andares, três destinados somente à parte operacional e aos tripulantes, abriga 2020 passageiros. A embarcação, que tem bandeira de Malta ? pequeno país europeu ?, atracou neste sábado em Itajaí. O DIARINHO foi conhecer este navio por dentro e convida você, leitor, a participar desta viagem.

O executivo de contas da operadora CVC, Radames Kalipo, e o intérprete de Libras, Ricieri Palha, da empresa Pullmantur, foram os comandantes desta viagem. Logo na entrada do navio, o passageiro entende o porquê do nome Imperatriz. A recepção ? graças ao seu acabamento dourado ? reluz. A sofisticação está espalhada em cada andar do navio. Seja nos detalhes dourados, nas luzes baixas, ou pelo hall da escadeira iluminado por uma clarabóia gigantesca. O ar-condicionador em todos os espaços ajuda a aumentar o clima de sofisticação da embarcação.

O 10º deck, como são chamados os andares num navio, é o panorâmico. Neste ambiente, muitos passageiros passam a maior parte do tempo. Também não é pra menos, há restaurante, piscina e jacuzzi – aquela banheira chiquetosa de hidromassagem – , além, é claro, de bares. Toda a bebida consumida no navio já está inclusa no pacote de viagem escolhido pelo cliente.

Ao redor da piscina há espreguiçadeiras e mesas. Nelas você pode ficar tomando um chopinho, pegando um sol e curtindo a paisagem. Também neste andar, o passageiro pode fazer todas as suas refeições. O segundo restaurante do navio, o Miramar, fica no 4º e 5º decks. O almoço é servido das 11h30 às 16h30, e o jantar acontece das 19h às 23h. Fora desde horário sempre há um petisco, uma pizza ou algo para saborear.

No 10º deck fica também o Spa Del Mar. Ele funciona das 10h às 21h, mas não está incluído no valor do pacote. Para aproveitar todas as massagens, técnicas de relaxamentos e tratamentos de beleza, o cliente tem que desembolsar uma grana extra. Para quem pode se dar ao luxo, o ambiente é encantador. A cama de massagem fica próxima da janela e enquanto você é massageado pode observar o mar. Neste andar está o salão de beleza, que, assim como o spa, não tem os valores dos serviços incluídos no pacote.

As cabines do transatlântico ficam do 3º ao 9º andar, sendo que no 4º e 5º não têm quartos. Há cabines para todos os gostos e bolsos. Começam em 1,7 mil dólares e podem chegar a 3,7 mil por pessoa. Mas Radames já vai logo avisando: ?Não gostamos de falar em valores, pois trabalhamos com muitas promoções de pacotes, então os preços mudam?, explica.

Nas cabines mais econômicas há beliches para até quatro pessoas. As mais chiquetosas têm cama de casal, sala de estar, hidromassagem e até uma varanda com vista para o mar, é claro. A televisão via satélite, o DVD e o ar-condicionado estão presentes em todos os quartos.

Onde estou?

Como demora um tempinho para o passageiro se localizar dentro do navio, cada entrada de elevador tem um mapa inteiro da embarcação. O passageiro pode se achar e decidir onde quer ir. Quem não consegue se localizar com a ajuda do mapa, pode solicitar o acompanhamento de um guia, que o levará onde desejar. A travessia entre os andares pode ser feita num elevador comum ou no elevador panorâmico ? um luxo!

Ainda para ajudar o passageiro a decidir seu roteiro, todos os dias os tripulantes deixam um ?Diário de Bordo? nas cabines. Nele há toda a programação preparada para aquele dia. Uma dica do diretor de cruzeiro informa ao passageiro qual será o destaque da programação.

  •  
  • Postado por Tiago

DIARINHO31ANOS

O DIARINHO comemora hoje 31 anos de muita informação. E neste aniversário quem ganha o presente é você, que é nosso convidado pra pintar no MACRIADO nesta terça, na matriz em Itajaí e nas sucursais de Balneário Camboriú e Navegantes, pra comer uma fatia de bolo na faixa

  •  
  • Postado por Tiago

especial-novo-site

Novidade vai pro ar no primeiro semestre deste ano e promete ser referência

Imagine você ler todas as notícias quentinhas do seu DIARINHO pela internet, com a possibilidade de ver muitos vídeos e fotos dos mais variados assuntos, como polícia, política, geral e esporte. Também anunciar e conferir classificados, com mapas mostrando exatamente onde ficam os imóveis de sua preferência, por exemplo. Estas serão algumas das novidades do DIARINHO, que colocará no ar o maior portal de notícias da região. O site será um presentaço pros leitores, em comemoração ao aniversário do jornal mais lido do sul do mundo, que hoje completa 31 anos de muita informação.

O portal, que entrará no ar ainda no primeiro semestre de 2010 e promete ser o maior da região, vem sendo desenvolvido e aprimorado há mais de um ano. ?Somos líderes de mercado em jornais impressos e agora vamos nos comunicar ainda melhor com nossos leitores virtuais. Vamos levar a eles outras mídias, como vídeo e áudio, para fazer do DIARINHO referência também na internet?, destaca a diretora de redação, Samara Toth Vieira.

O novo portal é uma parceria com o GrupoW, empresa especializada em programas pra internet, e vem sendo desenvolvido em sigilo absoluto pra não deixar a concorrência meter os zóios. Os assinantes da versão on-line seguirão com todas as regalias, com acesso completo ao conteúdo do portal. Uma das principais novidades é que, além das notícias da edição impressa, os espertões que têm assinatura da net também poderão ver vídeos, áudios e galerias de fotos dos fatos mais importantes, que tão na boca do povão.

O outro tipo de usuário, que ainda não é assinante, também não vai ficar chupando dedo. Ele será registrado e terá o gostinho de navegar por algumas seções do portal. Os registrados poderão ver classificados, achados e perdidos, entre outras coisas bacanas, além de uma pitada das notícias, como as capas das editorias e também das edições impressas de cada dia.

A expectativa inicial é de que o número de acessos do site, que hoje já é baita grande, dobre em poucos meses. A ideia é aproveitar ao máximo a força da marca DIARINHO. ?As pessoas ligam pro DIARINHO quando flagram qualquer cena que pode virar notícia e queremos estreitar os laços agora com nossos leitores virtuais?, finaliza Samara.

  •  
  • Postado por Tiago

_MG_0403

Prefeito Bellini foi um dos participantes do Entrevistão

Itajaí completa 150 anos de emancipação político-administrativa no dia 15 de junho deste ano. E o DIARINHO, preocupado com o futuro da city, traz hoje um baita presente pro seu leitor. Exatamente no dia do 31º aniversário do jornal mais quente do sul do mundo, foi encartado um Entrevistão histórico com quatro mandachuvas da city: o prefeito Jandir Bellini (PP), o presidente da câmara de vereadores, Luiz Carlos Pissetti (DEM), a presidente eleita da associação Comercial e Industrial de Itajaí (ACII), Maria Izabel Pinheiro Sandri, e o reitor da universidade do Vale do Itajaí (Univali), José Roberto Provesi.

A sabatina deu trabalho e rolou durante toda uma manhã, na sede do MACRIADO. Foram duas etapas de entrevistas. Na primeira, individual e simultânea, cada jornalista da casa falou com um dos convidados. Em seguida rolou um debate entre as quatro otoridades.

Foram debatidos temas como saúde, educação, trânsito e habitação, com direito à troca de farpas e momentos de reflexão pra um futuro melhor pra Itajaí. ?Reforçamos nosso papel de fiscalização junto à comunidade. Através deste Entrevistão os cidadãos de Itajaí poderão cobrar das autoridades as promessas e compromissos firmados?, destaca Samara Toth Vieira, diretora de redação do DIARINHO.

Pro mandachuva peixeiro, o debate entre as autoridades foi inteligente e pra lá de positivo, dando a oportunidade pra cada um expor seu ponto de vista e ideias pro futuro de Itajaí. ?O jornal está de parabéns por essa iniciativa e pelos 31 anos de contribuição. O DIARINHO tem sido um meio de comunicação bastante integrado à sociedade, trazendo os principais fatos que acontecem, sempre da sua maneira. É um jornalismo diferenciado, que tem contribuído com o crescimento de Itajaí?, diz Jandir.

O prefeito garante que ainda há  muito o que se fazer pra deixar a city nos trinques. ?Temos um potencial muito grande, um crescimento acima da média, e precisamos planejar Itajaí como uma cidade grande. Pela potencialidade geográfica, econômica e de qualidade de vida, cabe a nós homens públicos trabalharmos em prol da nossa cidade?, finaliza o comandante do executivo peixeiro.

  •  
  • Postado por Tiago

Redação de Itajaí é o coração do MACRIADO

O jornal que está anos luz à frente da concorrência não para de ampliar seus horizontes. Com mais de 100 colaboradores em sua equipe, matriz em Itajaí, sucursais em Balneário Camboriú e Navegantes e uma equipe de reportagem em Florianópolis, o DIARINHO tem como projeto pro futuro montar uma base em Itapema.

Hoje, a cobertura jornalística na maior cidade da famosa Costa Esmeralda ? composta também por Porto Belo e Bombinhas ? é feita pelos repórteres peixeiros ou da Maravilha do Atlântico, que sempre tão sabendo em primeira mão o que acontece por aquelas bandas.

Ainda não há data pra abertura da sucursal, mas a galera do MACRIADO tá trabalhando duro pra estreitar ainda mais os laços com o povão itapemense, o mais rápido possível.

  •  
  • Postado por Tiago

Não são só as notícias do dia-a-dia que deixam os leitores doidinhos pra comprarem seus exemplares nas bancas todas as manhãs. O povão também se amarra no material especial, que faz com que o DIARINHO fique ainda mais atraente.

O Entrevistão é um desses cadernos diferenciados e através dele já foram sabatinados políticos, músicos, esportistas, pessoas anônimas e famosas, que deram o que falar com suas declarações ao MACRIADO. Outra novidade é que na edição de hoje você pode acompanhar o primeiro Entrevistão em forma de debate, com quatro importantes abobrões da city peixeira.

O DIARINHO também traz pelo menos uma matéria especial de página inteira por semana, faz cadernos chiquetosos nos aniversários das cidades da região, participa de campanhas importantes, como a atual “Porto Já”, e não se esquece dos amantes do futebol, com a concorrida tabela do Brasileirão. Agora na temporada, outro material diferenciado é o baita caderno de verão semanal, pro turista não perder nenhuma atração em nosso litoral.

Isto sem falar na cara nova do jornal, que ganhou um tapa no visual em 2008, com mais cor, mais fotos e textos objetivos, deixando o povão ainda mais alucinado pra acompanhar as notícias em primeira mão todos os dias.

Vamos malhar!

Produzir todo este material dá  trabalho, mas a equipe do MACRIADO tá sendo bem tratada. Duas vezes por semana, a fisioterapeuta Andréia Mera faz os sedentários escribas doarem cerca de 10 minutinhos pra esticarem os esqueletos, num trabalho de correção de postura e fortalecimento da coluna, ideal pra quem fica horas e horas grudado na frente do computador.

Outra ação importante é o Sistema de Qualidade Total 5S, que zela pela limpeza e organização na empresa. O jornal também recicla seu lixo, como papel e plástico, e a grana arrecadada é revertida pra confraternização entre seus funcionários e colaboradores. Em 2008, quando cerca de 25 funcionários tiveram suas casas atingidas pela enchente em Itajaí, o dinheiro foi repassado pra auxiliar essas famílias.

  •  
« Página AnteriorPróxima Página »