• Postado por Tiago

As cesarianas estão suspensas temporariamente no hospital e materinidade Marieta Konder Bornhausen. Um bebê internado na UTI neonatal foi infectado por uma bactéria e a direção do hospital interditou o setor para a fazer a desinfecção. Segundo o médico obstetra e membro do corpo clínico do hospital, Lírio Eing, o local tá fechado desde segunda-feira. “Os casos de emergência estão sendo feitos, mas os prematuros não porque não temos onde colocar os bebês”.

O doutor Lírio não soube dizer o nome da bactéria. A secretaria municipal de saúde não foi informada ainda do rolo. Ontem à noite, ao ser questionada sobre o caso, a secretária Dalva Rhenius ficou bastante surpresa e em tom de espanto disse: “Até agora eu não recebi nada oficial sobre este caso”.

  •  

Deixe uma Resposta