• Postado por Tiago

O presidente da câmara de vereadores dengo-dengo, Alcides Reis Pêra (PMDB), o Cidinho, é mesmo sócio da Sotec, a empresa que faz a contabilidade do ferri-bote. O peemedebista foi acusado de intimidar o colega de casa, Evandro Argenton (PSDB), que tá agitando pra municipalizar o ferri-bote que faz a travessia Itajaí-Navega. O presidente da câmara afirma que tem testemunhas que comprovam que ele não ameaçou ninguém e que vai processar Argenton (PSDB).

Cidinho confirmou que é mesmo dono da Sotec, empresa que tem mais de 20 anos, e que faz a contabilidade da empresa de Navegação Santa Catarina, que comanda o ferri-bote. Mas pro presidente da câmara isso não prejudica seu trampo de vereador. Ele jura de pés juntinhos que nunca teve problema porque jamais misturou os interesses de sua empresa com o seu trabalho de vereador.

O bafafá começou porque Argenton fez um requerimento na casa do povo, convidando o chefão da Capitania dos Portos do Estado, capitão Marcelo Santiago Garcia, pra explicar na câmara como funciona a concessão do ferri-bote. O requerimento foi aprovado na última sessão, mas Evandro diz que foi pressionado por Cidinho antes da votação começar pra retirar o requerimento.

A ameaça seria motivada por essa ligação que Cidinho tem com a empresa dona do ferri-bote. “Isso é mentira. Não sei por que estão dando importância pra isso. Faz tempo que ele (Evandro Argenton) tá brincando com a gente aqui. Ele faz as coisas erradas e depois vem pedir desculpas”, lascou Cidinho.

O presidente disse que vai processar o vereador careca, já que teria como testemunhas o procurador da câmara e outros dois funcionários que tavam com ele na hora em que o tucano começou o bafão.

  •  

Deixe uma Resposta