• Postado por Tiago

Gigantes manezinhos são só alegria com as quatro vitórias já conquistadas

O começo da Cimed/Malwee na Superliga masculina de vôlei é simplesmente arrasador. Com quatro vitórias em quatro jogos disputados, hoje, às 20h, o time catarinense volta a atuar em casa, no ginásio Capoeirão, após duas rodadas longe de Florianópolis. O adversário será o Lupo/Nautico, de São Paulo, 11º colocado, e os manezinhos tentarão a quinta vitória seguida.

Atual segundo colocado na classificação geral, com oito pontos conquistados, a Cimed pode alcançar a liderança caso o Sesi, de São Paulo, tropece diante do Volta Redonda, no Rio de Janeiro. Esse jogo rola às 19h e os gigantes de Floripa poderão entrar em quadra já sabendo como tá a partida por lá. E pra conseguir mais um resultado positivo, os catarinas devem abusar dois fundamentos que tão dando certo até agora: o ataque e o bloqueio ? o time barriga-verde lidera o ranking desses dois fundamentos por equipes.

Já o Lupo/Nautico não assusta nada quando o assunto é bloqueio. Tem 101 erros e 42 acertos e é o quarto pior time nesse fundamento. No saque então é que os paulistas não mandam nada bem. São apenas nove pontos e 53 erros, que fazem da equipe a segunda pior do campeonato. O perigo vem no ataque, que já marcou 210 pontos, terceira melhor marca. Mesmo assim, a Cimed é favorita.

Pro jogo de hoje, o técnico da equipe manezinha, Marcos Pacheco poderá ter importantes jogadores fora de combate, como os meios-de-rede Eder, que está com uma virose, e Lucão, com dores no joelho. Os dois são dúvidas e devem assistir o jogo do banco de reservas.

Pacheco é adepto do discurso da humildade e diz que todos os jogos são sempre complicados, independente do adversário. ?Não existe jogo fácil. São investimentos diferentes, jogadores competitivos iguais e o adversário é diferente. A preparação da equipe é igual em todos os jogos, se o jogo é mais difícil ou menos, isso só vai ser dito durante o jogo?, fala o técnico da Cimed.

No sábado, a equipe tem outra partida em casa, contra o Vôlei Futuro, de São Paulo, às 20h30.

Minas de São José jogam fora

A equipe da Pauta/São José joga hoje fora de casa pela primeira vez na Superliga feminina de vôlei. As catarinenses enfrentam as meninas da Usiminas, às 20h, em Belo Horizonte. Mesmo com as derrotas em casa pra Osasco e Pinheiros, nas duas primeiras rodadas, o técnico da equipe Carlos Henrique tá confiante numa boa participação das garotas na competição. ?Foi melhor enfrentá-las agora, enquanto estamos sem entrosamento e ritmo de jogo. O consenso é que a equipe tem que chegar bem preparada nos confrontos contra adversárias diretas e do mesmo nível?, diz o treinador, se referindo ao Mackenzie, time que o São José enfrentará também em Belo Horizonte, sábado, às 17h, e que também é meia-boca.

  •  

Deixe uma Resposta