• Postado por Tiago

O leitor Maurício José Hostin, que mora em Balneário Camboriú, tá furioso com a concessionária autorizada Barigui Veículos, de Itajaí. Ele comprou um Palio novinho e diz que tem certeza de que a Barigui entregou um carango diferente do que lhe foi mostrado pelo vendedor. “No interior do veículo tinha uma peça totalmente diferente da apresentada”, reparou.

No dia 18 de junho, Maurício pegou o Palio zero, modelo fire economy, quatro portas, pela bagatela de 30 mil reales. Assim que chegou em casa com o carango novinho, começou a perceber as diferenças com o veículo que lhe haviam mostrado na concessionária, na hora da compra. “Vi um modelo de carro na vitrine, entrei nele, gostei, escolhi a cor, fiz o negócio e me entregaram um carro diferente do escolhido”, acusa, sem dizer o que havia de diferente no veículo.

O cliente apareceu na concessionária dois dias depois pra tomar satisfações. Maurício disse que conversou com a gerente Romilda Correa, do setor de vendas. Sua intenção era trocar o Palio ou então devolver o carritcho. Maurício chegou a mandar uma cartinha via sedex. Nem no bate-papo com Romilda nem por correio teve a resposta que queria.

Pra não ter mais problemas, Maurício tomou uma decisão. “Não estou fazendo uso do veículo novo recebido da Barigui. Ele está parado na garagem do prédio onde moro”, afirmou. Quase 30 dias depois do rolo, Maurício ainda não teve qualquer solução pro problema. “Estou insatisfeito”, lascou.

Troca na hora

Romilda Correa, gerente de vendas da Barigui, garantiu ao DIARINHO que a empresa entregou o carro direitinho. Segundo ela, tudo o que estava acertado no contrato foi cumprido. “Se tem um único problema, é que o botão que aciona o desembaçador traseiro do carro está no painel, e o cliente queria que estivesse na alavanca. Mas o acessório está lá”, argumenta.

Ela afirma ainda que já sugeriu ao cliente que o carro fosse trocado, mas ao contrário do que ele diz, Maurício não aceitou a troca. “Se ele vir aqui agora, eu troco o carro pra ele na hora”, afirmou.

  •  

Deixe uma Resposta