• 09 set 2009
  • Postado por Tiago

“Se é questão estratégica de energia, não importa o calendário”

Arthur Virgílio (PSDB-AM), descartando o regime de urgência dos projetos do Pré-sal

Plano B de Lula é mesmo Ciro Gomes

O presidente Lula se recusa a conversar sobre uma alternativa a Dilma Rousseff para sua sucessão, mas ele disse a um parlamentar, velho companheiro petista, que só tem duas certezas: a primeira é a de que o ex-ministro Antônio Palocci jamais será chamado a substituir a ministra Casa Civil nessa disputa; a segunda é que, na “pior hipótese” (Dilma fora da disputa), ele enfrentará o PT e apoiará Ciro Gomes (PSB).

Grande eleitor

Lula aprecia o estilo agressivo e a lealdade Ciro Gomes, mas o grande eleitor dele junto ao presidente é o governador Eduardo Campos (PE).

Amigo do peito

Vice dos sonhos de Lula em 2014, quando pensa voltar ao Palácio do Planalto, Eduardo Campos é também presidente nacional do PSB.

Queda para o alto

A aprovação de Lula caiu de 81,5% para 76,8%, segundo pesquisa CNTSensus. É o mesmo que cair de paraquedas do 6° andar para o 5°.

Ducha

A Seleção que se cuide, hoje à noite. Lula recebeu o presidente da CBF, Ricardo Teixeira. Sinal de frente fria se aproximando.

Villela foi para casa 2 horas depois da mulher

A polícia do DF somente ontem esteve no escritório do advogado e ex-ministro do TSE José Guilherme Villela, assassinado com 38 facadas em casa, junto com a mulher e uma empregada. Como esta coluna advertiu, as câmeras do edifício Denasa tinham muito a revelar: Villela saiu do trabalho às 19h do dia em que foi morto, duas horas após sua mulher. Portanto, uma só pessoa pode ter esfaqueado as três vitimas.

Pastor na vice

Petistas tentam convencer Lula a emplacar um evangélico como vice de Dilma Rousseff, como o senador Marcelo Crivella (PRB-RJ).

Caça-trouxa

Comentário de leitor francês no Journal Du Dimanche sobre a compra dos Rafale: “Coitado dos brasileiros, compraram o que ninguém quer.”

Pintores de rodapé

E de outro, no mesmo jornal, surpreso com a altura de Lula junto ao “tampinha” Sarkozy no palanque: “O brasileiro tem menos de 1,70m?”.

Afirmação do STF

O Supremo Tribunal Federal decidirá hoje se o governo pode interferir, com uma portaria, em um processo sob julgamento na Corte. Decidirá se o asilo concedido pelo ministro Tarso Genro (Justiça) ao terrorista homicida Cesare Battisti extingue ou não o processo de extradição.

Deu bandeira

Merece um passeio em Cabul o estilista da primeira-dama no desfile do Dia 7: persiste na cafonice de cores da bandeira. Carla Bruni, no 14 de julho em Paris, usou um tailleur violeta. Nada bleu, blanc ou rouge.

Só para associados

João Dória Jr nega a cobrança de R$ 30 mil de interessados no café da manhã com o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, dia 24, em São Paulo. É exclusivo para afiliados à Lide Grupo de Líderes Empresariais, que já pagam anuidade para participar de eventos assim.

Fugindo do fracasso

O Palácio do Planalto excluiu Salgueiro (PE) da visita do presidente Lula sexta-feira a Pernambuco, para inspecionar obras de transposição do rio São Francisco, que estão prá lá de atrasadas.

Conta outra

Institutos de pesquisa adoram brincar com o perigo, incluindo o risco da desmoralização: pesquisa CNT/Sensus indica que 37% dos brasileiros aceita pagar a nova CPMF. Nessa, definitivamente, não dá pra acreditar.

Buraco sem fundo

Um terreno onde a Cooperativa Habitacional dos Bancários construiu casas em São Paulo foi penhorado para pagar dívida trabalhista. Fundada por petistas, a Bancoop é investigada por suposta fraude.

Sem ambiente

O Sindicato dos Servidores Públicos Federais suspendeu na Justiça novo concurso para temporários, que consomem R$ 1,3 milhão mensais só no Instituto Chico Mendes, do Ministério do Meio Ambiente.

Missa por Villella

Amigos, ministros de tribunais superiores e advogados ilustres mandam celebrar missa, hoje, na Igreja São Pedro de Alcântara, em Brasília, às 20h, em memória do casal Maria e José Guilherme Villela.

Pensando bem…

…depois das “mães” Lula e Dilma, o Brasil ganha a “avó” d. Marisa, com seu xale de d. Benta.

PODER SEM PUDOR

Tucanos usam canga?

No calor da discussão sobre a reforma tributária, em 2003, o então presidente do PSDB, José Aníbal, estava preocupado com as traições na bancada do seu partido:

– Tem que botar uma canga no pessoal do PSDB!

O deputado tucano Eduardo Paes (RJ) não entendeu:

– Vai ser difícil, Zé…

Para o carioca Paes, “canga” é só aquela manta que o mulherio usa como saída de praia.

  •  

Deixe uma Resposta