• 05 jan 2010
  • Postado por Tiago

‘Lula se tornou um porta-voz do Terceiro Mundo’

Rede de TV árabe Al-Jazira colocando o presidente no melhor dos mundos

Olimpíadas: contrato

sem licitação

Uma portaria do Ministério Público Federal determinou abertura de inquérito civil para apurar a contratação por R$ 6 milhões, sem licitação, da empresa de publicidade Fields Comunicação, pelo Ministério do Esporte, para a campanha do Rio às Olimpíadas de 2016. A procuradora Michele Rangel de Barros Bastos pediu cautela, até que seja respondido um ofício com pedido de explicações.

Outro lado

O Ministério do Esporte não comentou a ação do MPF, até o fechamento da coluna.

Eles também

Oficiais da Reserva apoiaram em nota o ministro Jobim (Defesa) e os comandantes militares na crise com a secretaria de Direitos Humanos.

Ou ele ou eu

A crise obrigou o secretário Paulo Vanucchi a se pronunciar. O clima anda tão ruim, que já dizem que se ele não deixar o cargo, Jobim sai.

Família dividida

Será rixa interna? Os dois irmãos senadores, Álvaro e Osmar Dias (PDT), ambos do Paraná, estão pau a pau na corrida ao governo.

Saúde na UTI e prefeitura

gasta com festa

A saúde pública em Recife está na UTI: faltam médicos, vagas em hospitais e atendimento digno. Muita gente passou o Réveillon dormindo nos corredores das unidades sem macas suficientes, nem profissionais para atender a todos. Mas a prefeitura não economizou na hora de contratar shows para a virada do ano. Tudo sem licitação. O prefeito João da Costa (PT) gosta de festa.

Alcione por R$ 211 mil

O Diário Oficial da Prefeitura de Recife mostra que a apresentação da cantora Alcione, no Palco do Pina, custou aos cofres R$ 211 mil.

Pensando na festa

Já Gabriel, o Pensador, foi contratado para cantar no Palco Acaiaca, em Boa Viagem, por R$ 94 mil.

Velha Guarda

Erasmo Carlos, que ressurge da Jovem Guarda, recebeu R$ 200 mil por também ter se apresentado no Palco Acaiaca.

E ele com isso?

Lula viu de helicóptero, por breve instantes, a tragédia da chuva em Santa Catarina, ano passado. A deste início de ano no Rio, nem isso. Contribuinte só vê autoridade em ano de eleição. E agora, nem isso.

In loco

A Secretaria de Assistência Social do Rio garante que os desabrigados da tragédia na Costa Verde ganham hoje (5) ajuda emergencial do governo, e que Benedita da Silva, com problemas no joelho, estará lá.

Pelo cano

A Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental, do Ministério das Cidades, investiu R$34 milhões, desde sua criação, em 2007. Metade, em esgoto. Diz estar “aquém do necessário”, porém promete mais.

Dezembro, 1998

Onze anos depois, resta insolúvel, por infindáves discussões jurídicas, o assassinato da deputada federal tucana Ceci Cunha. O Conselho Nacional de Justiça tenta acelerar o processo de 6.043 páginas.

Rebanho assustado

Pastores de uma igreja evangélica em Brasília montam nova seita, após a investigação da PF Caixa de Pandora envolver o neto de um dos principais fundadores. Os fiéis também ameaçam debandar.

Rápido e grátis

A catarinense Extradigital desenvolveu o portal www.novascertidões.com.br para cartórios de registro civil, que a partir de agora devem cumprir padrão do Conselho Nacional de Justiça.

Hora da Ciência

É a Sangari do Brasil que executará o projeto do governo do DF que pagará pouco mais de R$15 mensais por aluno para melhorar o estudo de Ciências de 311 mil estudantes do ensino fundamental.

Balançou geral

Primeira procuradora-geral da República, Déborah Duprat encerrou 2009 com atuação polêmica nos 22 dias de cargo, em junho: desengavetou ação sobre aborto de anencéfalos, ajuizou processos sobra a Marcha da Maconha, grilagem na Amazônia e União Civil entre homossexuais.

O ‘vírus’ de 2010

A primeira do ano na internet: “alerta” contra e-mail com “fotos da Dilma nua”. “Não abra”, avisa. “Contém realmente fotos da Dilma nua”.

PODER SEM PUDOR
Sapato eu não tiro

Tratadas como qualquer passageiro, autoridades são obrigadas a tirar os sapatos, nos aeroportos americanos, desde o 11 de setembro. Pratini de Morais, ex-ministro da Agricultura de FHC, resolveu tomar uma atitude para evitar a acusação de não reagir à humilhação. E brincou:
– Agora, para facilitar, eu só viajo calçando tênis…

  •  

Deixe uma Resposta