• Postado por Tiago

Os dias de bandalheira acabaram pro Dilceu Fernando de Almeida, 45 anos. O cara foi em cana na madrugada de ontem por passear pelaí com um trabuco e ameaçar um traveco. O comerciante já carrega no lombo broncas de assalto e assassinato e é acusado de ameaçar um travesti na avenida Nereu Ramos, no centro de Itapema. O traste foi enjaulado depois de ser perseguido pelos meganhas, que até meteram tiro no carango que ele dirigia.

Os milicos ficaram sabendo da treta pelas 5h quando encontraram o revólver calibre 38 jogado no chão, na beira da rua 292. Testemunhas contaram aos fardados que o berro foi abandonado por Dilceu.

Os policiais chegaram até o cara depois que receberam a denúncia que ele tava ameaçando um travesti na frente da padoca Itabani. Quando a baratinha deu o ar da graça, Dilceu embarcou na caminhonete S10, placa AHP 1144 (Itapema), e simandou pela rua 292, que não tem saída. Os tiras colaram nele e o levaram em cana.

O homem entrou em desespero, tentou dar ré no possante, mas não teve jeito. Um dos puliças sacou a arma e deu um tiro no pneu do carro. Pelas informações dos homi, o cara coleciona passagens por assalto, furto e assassinato no Rio Grande do Sul.

  •  

Deixe uma Resposta