• Postado por Tiago

Foram assinados hoje, na Maravilha do Atlântico Sul, dois papélis de cooperação técnica com o Tribunal de Justiça do estado pelo secretário-executivo da Justiça e Cidadania, Justiniano Pedroso, e o secretário de Estado da Segurança Pública, Ronaldo Benedet. O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Gilmar Mendes, também botou o autógrafo nos convênios.

O primeiro acerto vai ajudar os detentos de Itajaí a fazer o curso de formação de pescador profissional, oferecido pelo Sindicato de Pescadores de Itajaí (Sindipi).

O segundo convênio garante a implantação do Núcleo de Advocacia Voluntária, em parceria com a Univali, no campus universitário e no Presídio de Itajaí, para prestação de assistência judiciária aos presos.

“Esta parceria do Governo do Estado com o Tribunal de Justiça dá a oportunidade aos detentos de produzirem e aprenderem um novo trabalho, auxiliando-os na reinserção social e ainda oferece a eles uma orientação judiciária com o apoio da Univali”, explica o secretário Justiniano Pedroso.  O curso de pescador terá 30 vagas aos apenados do Presídio de Itajaí.  

Aproveitando a visita do ministro, foi inaugurado o Posto de Atendimento e Conciliação na Univali, o qual está integrado ao Projeto Casa de Justiça e Cidadania do CNJ.

  •  

Deixe uma Resposta