• Postado por Tiago

A central de Operações da Polícia Militar (Copom) não vai sair de Itajaí, pelo menos por enquanto. A garantia é do comandante geral da polícia Militar, coronel Eliésio Rodrigues. O anúncio da permanência do Copom em Itajaí foi feita durante uma reunião entre o manda-chuva da polícia da Santa & Bela e os vereadores peixeiros, quinta-feira na câmara de vereadores. A decisão não é garantia de que haverá melhora nos equipamentos do Copom peixeiro a curto prazo.

O presidente da câmara de vereadores, Luiz Carlos Pissetti, sugeriu fazer um convênio com a polícia Militar e colocar guardas municipais para cuidar da parte administrativa do Copom. Com a decisão de permanência da central peixeira funcionando, os vereadores pretendem retirar o projeto de lei que revoga convênios e disposição de servidores do município ao governo estadual que tava na câmara.

A intenção do comando geral da PM era transferir a central para Balneário Camboriú, onde foi construída uma estrutura moderna. O coronel explica que a mudança fazia parte de uma política de segurança pública, que visava regionalizar as centrais da polícia militar e colocar em uma única estrutura outros serviços de emergência, como bombeiros e guardas municipais.

  •  

Deixe uma Resposta