• 02 out 2009
  • Postado por Tiago

esporte@diarinho.com.br

Conversa pra boi dormir

Arranco a língua com um estilete enferrujado se o estádio da Ressacada for a leilão por causa de IPTU atrasado. O Figueirense ficou anos devendo pros cofres de Floripa e só acertou essa semana. O Avaí quis pagar a dívida com repasse de parte da bilheteria dos jogos, mas a prefa não aceitou. A turma que fala pelos cotovelos garante que no comando municipal só tem torcedor do time do Estreito, que não tá aguentando ver o passeio do Leão pela série A.

Cidadania

Jogadores de futebol de Avaí e Figueirense e de vôlei da Cimed estarão sábado no Câmara Cidadã, promovido pelos vereadores da capital. O evento é daqueles que o povo faz de um tudo ? da carteira de identidade até desencravar unha. A turma do esporte foi convidada pra incentivar a prática esportiva entre os jovens.

Rafael Coelho faz falta?

INTERNA-COLUNA-PAG-23---s---corneta-esportiva---atacante-rafael-coelho-foto-rubens-flores-01out09

O meia Fernandes e o atacante Schwenck vivem um grande momento e, aliados à chegada do técnico Márcio Araújo e do meia Roberto Brum, tão sendo os responsáveis pela arrancada do Figueira nas últimas três rodadas. Tanto é verdade que a ausência do atacante Rafael Coelho quase não tem sido citada. Na transmissão do jogo de terça-feira, as rádios da capital resumiram-se a dizer que o único desfalque no time era Diego Paulista. O que não faz a boa fase!

Tudo azul!

É assim que estará a Ressacada no domingo, no jogo entre Avaí e Cruzeiro. Espera-se que a chuva dê uma trégua e que o céu faça a combinação com as cores dos times. E o mais importante, que o Avaí vença, pois aí sim, ninguém vai reclamar da cor do céu, mesmo que chova canivete.

Futebol amador?

O campeonato de futebol da Liga Itajaiense de Desportos virou uma verdadeira guerra. Uma batalha que começou com agressões e até tiros após um jogo e que continua com um festival de acusações de todos os lados e de todos os tipos. Uma situação que nada tem a ver com o espírito do esporte amador, que leva esse nome justamente por ser praticado por pessoas que deveriam amar a modalidade que praticam e que, em tese, não teriam outro interesse que não seja engrandecer o esporte na região. Ou será que têm?

É hoje!

O povo brasileiro, os esportistas e, principalmente, os nossos políticos estão fazendo figa pro Rio de Janeiro ser a sede dos Jogos Olímpicos de 2016. O anúncio será hoje, na Dinamarca, e concorrem com a capital carioca Tóquio, Madri e Chicago. Se levarmos em conta que a próxima Olimpíada será na Europa, em Londres, e a última foi na Ásia, em Pequim, Madri e Tóquio correm por fora. A briga deverá ser mesmo entre Rio e Chicago e a esperança brazuca é de que as nossas belezas naturais falem mais alto que a violência e a corrupção. Por falar em corrupção, a figa dos nossos políticos é a maior de todas, porque com a realização de uma Olimpíada por aqui não vai faltar oportunidade pra desviar recursos ou superfaturar obras, coisas que quase não acontecem quando metem a mão no dinheiro público. Se pensarmos bem, não é má ideia se os Jogos ficarem lá na terra do Obama.

  •  

Deixe uma Resposta