• Postado por Tiago

INTERNA_11_---Fila-nos-Correios_foto-menina-superpoderosa

Ontem à tarde mais de 30 pessoas se aglomeravam na agência

Os moradores de Itajaí que ontem precisaram usar os serviços dos Correios, passaram perrengue durante a tarde. Na agência da rua Gil Stein Ferreira, no centro, o sistema de senha não tá funcionando e o povão é obrigado a ficar um atrás do outro pra conseguir ser atendido. Além disso, com o calorzão de 30 graus registrado, só se abanando pra guentar dentro da agência, que não possui ar condicionado.

A secretária Ana Izabel Mendes, 20 anos, teve que esperar quase meia hora pra ser atendida. Pra moçoila, o sistema de controle de atendimento por senhas faz falta. ?Com a senha era bem mais prático. A gente podia sentar em qualquer lugar. Agora, com a fila única, fiquei a maior parte do tempo em pé?, reclama.

Atendendo ao pedido de um leitor, no comecinho da tarde, o DIARINHO deu um chego na agência. A máquina de emissão de senhas tava lá, encostada numa parede, só pra bonito. ?Não tá funcionando. Tem que esperar aqui no fim da fila?, disse uma tiazinha, quando nossa equipe foi bizolhar a maquininha.

Quase 30 pessoas esperavam numa fila única. A maioria, em pé. A fila é formada por ordem de chegada e são os próprios clientes que precisam descobrir isso.

Com o calorzão de ontem à tarde, a galera suava feito louca. Era abano pra tudo quanto era lado. A agência da rua Gil Stein Ferreira não possui ar condicionado. Os poucos ventiladores existentes por lá não davam conta do recado. ?Não sei o que é pior, aqui dentro ou lá fora?, lascou o mototaxista Everaldo João Santiago, 32.

Sem previsão

Há exatamente duas semanas, o DIARINHO publicou uma reportagem sobre o mesmo reclame. Na época, a promessa era de que em 72 horas o problema da máquina das senhas seria resolvido. Ontem, Luiz Martinelli Filho, assessor de imprensa dos Correios, disse que não há previsão para o perrengue ser resolvido.

  •  

Deixe uma Resposta