• Postado por Tiago

A CPI da Corrupção, criada pra investigar 18 anos de contratos pra lá de suspeitos do governo do Distrito Federal, vai ficar sem presidente por mais uma semana. A reunião extraordinária prevista para a tarde de ontem foi cancelada pelo presidente em exercício da comissão, Batista das Cooperativas (PRP). Segundo o deputado, a sessão não vai acontecer porque eles aguardam a indicação de um novo integrante.

A vaga a ser preenchida foi aberta com a renúncia da deputada Eliana Pedrosa (DEM), na última quarta-feira. Na terça, o deputado Alírio Neto (PPS) foi tirado da CPI por ter saído do bloco partidário de que fazia parte. Integram a comissão, além de Batista, Raimundo Ribeiro (PSDB), Geraldo Naves (DEM) e Paulo Tadeu (PT). Com a saída de Eliana, Naves assumiu a vaga do DEM no colegiado e deve ficar novamente a cargo do PMDB a escolha do novo membro.

  •  

Deixe uma Resposta