• Postado por Tiago

INTERNA_abreeconomia---cheques-sem-fundo_felipe-vt

De cada mil folhinhas emitidas, 23,3 não tinham fundos

O brasileiro parece ter ficado mais velhaco. Nos primeiros quatro meses deste ano, foram emitidos 9,63 milhões de cheques sem fundos no comércio tupiniquim, entre vendas à vista e a prazo.

O total de cheques recebidos pelo comércio foi de 413,99 milhões. Isso significa dizer que para cada mil folhinhas emitidas, 23,3 eram de borrachudos.

Em relação ao primeiro quadrimestre de 2008, este ano o calote com cheques sem fundo aumentou 16,5%.

A informação é da Serasa, empresa que no Brasil faz o controle do crédito na praça. Para os sabichões da empresa, o crescimento dos cheques sem fundo é reflexo da crise financeira mundial, que brochou a economia nacional e reduziu o número de empregos formais.

  •  

Deixe uma Resposta