• 06 jul 2009
  • Postado por Tiago

Desumanidade

Dia 05 de Setembro de 1998

O que a Capitania dos Portos de Itajaí, hoje uma simples agência, está fazendo com os parentes do barco Verde Vale I, desaparecido há dias, é uma cachorrada. Uma desumanidade.

Gente humilde, familiares dos desaparecidos têm afundado o caminho daquela repartição pra, lá chegando, receberem sempre um não pela cara. Pois o que a Marinha se limita a dizer é que não sabe de nada.

v v v

Porra! O que é que eles estão fazendo lá dentro que não sabem dar informação aos parentes de marinheiros desaparecidos? Então, pra que serve aquela merda de Capitania, se nessas horas, não sabem de nada e não dão informações? Então, invés de simplesmente transferi-la, como transferiram a sua sede para Florianópolis, deveriam simplesmente fechá-la.

Garanto que ninguém sentiria falta.

v v v

Olha, a marinha, nessas horas, tinha de dar amparo, socorrer, dar assistência moral aos familiares daqueles que desaparecem na faina do mar. Não ficar aqueles almofadinhas lá, negando informações sem se importar com o sofrimento de ninguém.

v v v

Aqueles sacanas que estão lá dentro da Capitania deveriam ir visitar as três famílias dos desaparecidos que moram ali no São Domingos. Talvez, o sofrimento daquela humilde gente comovesse aqueles paspalhos.

v v v

Numa dessas, eu mando um recado pro Dr. Norton, presidente da associação dos amigos da marinha; olha não adianta fazer banquete, festinha com desfile e coquetel pra transmitir falsa boa imagem da Marinha. Tinha que, nesta hora, a Marinha e a associação de vocês irem até lá, pelo menos pra dar conforto espiritual aos familiares dos marinheiros desaparecidos.

  •  

Deixe uma Resposta