• 17 jul 2009
  • Postado por Tiago

Os mesmos erros

Dia 26 de setembro de 1998

Quem assistiu ao jogo da seleção brasileira, na última quarta-feira, deve ter se sentido frustado.

Isso porque, por mais desacreditado que esteja o nosso futebol, depois da vergonheira da França, sempre funciona o amor à pátria, resquícios de crença de que somos os melhores do mundo, etc.

Contudo, o jogo de São Luiz do Maranhão, demonstrou que continua tudo na mesma merda.

Pode tirar o Zagalo, botar o Luxemburgo, enfim, pode botar de técnico até o nosso vereador Eloi, que a merda vai continuar.

Porque, o problema do futebol brasileiro é um problema de estrutura. Enquanto, a coisa funcionar na base de CBF, cartolagem, o caraco, nem Jesus Cristo, de técnico vai dar jeito.

Mas, o pior nisso tudo é que essa falta de estrutura tá fazendo com que a qualidade do futebol brasileiro decaia a olhos vistos.

Sim, porque, antigamente, saía a nossa seleção jogando por aí e sua superioridade técnica, individual e tática eram evidentes.

Hoje isso não mais ocorre.

Quem acompanha o futebol mundial, sabe que, presentemente, pelo menos umas 10 seleões de outros países ostentam nível igual e até melhores que o da nossa seleição. Que, vimos no jogo desta semana, continua aleijada, sem esquema tático definido, ainda baseada na hoje discutível qualidade individual dos nossos jogadores. Que, a exemplo do que falamos de seleções, hoje, por esse mundão afora, estão jogando dezenas de craques iguais e até melhores que os nossos.

  •  

Deixe uma Resposta