• Postado por Tiago

Dia 16 de abril de 1999

Ontem, comentávamos nesta mesma coluna o desvairo dos absurdos dos que dirigem a Celesc, querendo impingir ao povo catarinense um aumento abusivo nas suas tarifas.

Hoje, focamos a bestialidade dos dirigentes da Casan, que, segundo noticiou o Diário Catarinense, criaram dois cargos novos de diretores daquela arapuca.

Já pensaram?

Uma prestadora de serviços de merda, que nos serve uma água suja e putrefada, além de tudo de preço caro, como a Casan, querendo criar sinecuras para alguns desocupados, amigos do rei.

Minha gente, isso é um escárnio ao povo catarinense, que tem que beber e cozinhar com água de garrafas, vendidas no comércio, porque a água da Casan não presta.

E seus diretores cometem essa bestialidade de criar duas sinecuras, justo na hora que milhares de servidores públicos estão com seus salários em atraso; quando milhares de desempregados vagam, penando pelas nossas ruas desesperados; quando o governo federal acena para o trabalhador brasileiro com o aumento do mísero salário mínimo em 7%.

Não é pra mandar o presidente da Casan (que não conheço e cujo nome não sei) e seus diretores (que também não sei quem são) à merda?

Vamos esperar que o governador Amin, em quem repousam as esperanças do povo catarinense de um governo justo, correto, honesto, mande acabar com essa palhaçada dos diretores da Casan.

  •  

Deixe uma Resposta