• Postado por Tiago

Por determinação da dona Justa, o Departamento Estadual de Trânsito de Santa Catarina – Detran – acatou a recomendação de mandar todos os centros de formação de motoras do estado se adequarem pra dispensar aos alunos com deficiência auditiva o tratamento diferenciado, por meio da linguagem de sinais – libras.

Todas as concessionárias de serviços públicos – e aqui as autoescolas se encaixam – devem estar capacitadas pra atender a esta parcela da sociedade no sistema que ela domina e se comunica.

Caso o centro de formação dos condutores não obedeça à determinação, o Detran fica encarregado de apontar o dedo e entregar o responsável pela autoescola desobediente.

  •  

Deixe uma Resposta