• 17 dez 2009
  • Postado por Tiago

O fechamento da rodovia foi um problema, principalmente pros motoras de caminhões contêiner. Uma fila gigante se formou no sentido BR-101/centro. Teve motora que não ligou pra fila e aprovou o berreiro. “Acho que o pessoal tem que protestar mesmo. Tem tantos corruptos que, se a gente ficar quieto, a coisa não anda”, falou Juarez de Matos, 46 anos.

O problema maior rolou na rua José Luiz Máximo, por onde as carangas tiveram que desviar. A estrada é de barro e encheu as baias próximas de poeira. Era quase impossível ver as carangas passando no meio de tanto pó. Enquanto isso, o caminhão pipa, que poderia diminuir o problema jogando um pouco de água na rua, tava parado na manifestação.

Relembre

Tudo começou na semana passada, quando LHS pintou em Navega e disse ao prefeito que não enviaria mais verba para Navega encerrar as desapropriações da via portuária. O estado já teria colaborado com R$ 7 milhões, mas desapropriou somente 40% das baias. Agora a prefa precisa de pelo menos R$ 15 milhões para continuar as obras.

  •  

Deixe uma Resposta