• Postado por Tiago

Prefeitos e representantes de seis dos municípios atingidos pelas enxurradas em novembro de 2008 definiram a destinação dos US$ 5 milhões (cerca de R$ 11 milhões) doados pelo rei da Arábia Saudita, Abdullah Bin Abdul Al Aziz Saud. Os recursos serão usados para a construção de 33 casas em Brusque, totalizando 438 residências nos municípios mais atingidos pela catástrofe. A estimativa é que dentro de seis meses as casas estejam prontas.

O custo médio da construção de cada unidade habitacional é estimado em R$ 25 mil. As casas terão 36 metros quadrados de área construída, do mesmo padrão de acabamento em alvenaria  com dois quartos, sala e cozinha, podendo ser ampliada para até quatro dormitórios no futuro.

Os critérios para a distribuição das moradias foram discutidos na reunião, e os municípios mais afetados pelas chuvas serão atendidos. Dos oito municípios que assinaram convênio para a compra de terrenos com recursos de R$ 15 milhões, ficaram de fora apenas Timbó e Benedito Novo, cuja demanda está sendo totalmente atendida pelas doações do Instituto Ressoar.

Além do secretário regional de Blumenau, Paulo França, participaram da reunião o prefeito de Brusque, Paulo Eccel, o e Blumenau, João Paulo Kleinübing, de Camboriú, Luzia Mathias; de Luiz Alves, Viland Bork; além do chefe de gabinete da prefeitura de Gaspar, Doraci Vanz e o secretário da Agricultura do município de Ilhota, Almir Cesar Paul.

Os municípios a serem atendidos pelos árabes são Brusque (33 casas), Blumenau ( 262), Gaspar (74), Ilhota (25), Luís Alves (26) e Camboriú (18).

  •  

Uma Resposta to “Doações sauditas financiam 33 casas”

  1. proconbc Diz:

    Por que Itjai não obteve nenhum recurso????

Deixe uma Resposta