• Postado por Tiago

A bruxa tava solta pela BR-101 durante o final de semana. Duas pessoas foram atropeladas e morreram no sábado, em Itajaí e Barra Velha. A primeira vítima partiu pro além durante a tarde, perto do segundo trevo de entrada da Cidade Peixeira. Quando a noite do sabadão chegou, um outro tiozinho entrou pras estatísticas de mortes em Barra Velha.

Lá pelas 15h, Luis Alexandre Pereira, 57 anos, tentava atravessar o quilômetro 122 da BR 101, em Itajaí, quando foi atingido pelo Corsa, placa MCF 7321 (Balneário Piçarras). O motora, Aparecido Carlos de Azevedo, contou pros patrulheiros da polícia Rodoviária Federal (PRF) que chegou a ver Luis correndo pela pista. Afirma que tentou desviar do pedestre, mas já era tarde demais e o atingiu em cheio.

Luis recebeu um porradaço forte na cabeça e morreu no local. O corpo foi recolhido pra perícia do instituto Médico Legal (IML) peixeiro. O porradaço foi tão feio que a passageira do carango, Shirlei Jesus de Azevedo, 27, ficou malemal e precisou ser levada pro hospital.

Barra Velha

Em Barra Velha a desgraceira foi bem parecida. Jackson Teixeira, 39, vestiu o paletó de madeira duas horas depois de ser atropelado pelo Fusion, placa JIE 5535 (Brasília/DF). Lá pelas 21h, ele sisqueceu de olhar pros dois lados e tentou cruzar a rodovia. Acabou sijogando na frente do possante que passava pelo quilômetro 86, perto do viaduto da Capital do Pirão.

O motora do carango, Felipe Schneider, 23, pisou fundo no freio, mas não pode evitar a tragédia. O carro passou por cima de Jackson que quebrou o braço e a perna direita, além de sofrer hemorragia interna. O pedestre foi socorrido rápido pelos bombeiros de Barra Velha e foi levado pro hospital de Joinville. Mas acabou não suportando os ferimentos e morreu duas horas depois.

Criança atropelada na Penha

K. S., de apenas seis anos, ficou malemal depois de ser atropelada por um carango. Às 22h de sábado ela soltou da mão da mãe e atravessou a rua principal da Praia Alegre, na Penha, na frente de um carro não identificado. O carro não desviou e passou por cima da pequenina. Ela ficou toda quebrada e foi levada pelos bombeiros da Penha em estado grave pro hospital Pequeno Anjo, no Itajaí.

  •  

Deixe uma Resposta