• Postado por Tiago

O terrenão da fábrica da Amaral Pescados, que fica às margens do rio Itajaí-açu, em Navegantes, volta a ser colocado em leilão. Na próxima quarta-feira, dia 10, o imóvel estará sendo oferecido a R$ 6 milhões, que é praticamente a metade do valor avaliado inicialmente pela justiça: R$ 11 milhões.

O primeiro leilão rolou em 18 de fevereiro. Espertos, os investidores não deram lance, na fé de que o pregão fosse suspenso e marcada outra data para oferecer o terrenão mais barato. Acertaram na aposta. O imóvel teria sido penhorado por conta de dívidas milionárias com bancos e fornecedores. A decisão do leilão foi do juiz substituto José Aranha Pacheco.

Mesmo tendo sua estrutura construída para a indústria do pescado, o imóvel pode ser uma oportunidade para os empresários ou grupos interessados em montar um terminal portuário ou mesmo uma área para estocagem de contêineres. O terrenão fica na rua Itajaí, 603, no bairro São Domingos, pertinho da BR-470 e do terminal do Porto de Navegantes (Portonave).

A área da empresa é de 14,34 mil metros quadrados e o terreno tem 210 metros de frente pro rio. Além de um cais de atracação, que serve apenas para embarcações pesqueiras, possui um prédio onde funcionava a indústria de manipulação de pescados e uma câmara de estocagem de gelo com capacidade para 70 toneladas.

Onde e quando

Às 10h do dia 10 de junho, quarta-feira, no fórum de Navega, que fica na avenida Prefeito José Juvenal Mafra, 498, centro dengo-dengo. Informações complementares: www.licitari.com.br ou pelo telefone (47) 3344-6475

  •  

Deixe uma Resposta