• Postado por Tiago

Seu Firmino Cruz, 47 anos, dono do dog alemão que vive num ferro-velho da rua 2870, em Balneário Camboriú, procurou o DIARINHO pra dizer que seu cão não foi abandonado. “Eu nunca abandonei ele. Vou lá todos os dias, dou água e ração”, garantiu.

Ele acha que a denúncia de que o animal foi maltratado, feita pela vizinhança, é puro preconceito. “Ali em volta todo mundo é rico e eu sou pobre. Por isso falaram em abandono”, lascou.

O dono do ferro-velho contou que esteve ontem no centro de controle de pragas urbanas (CCPU) e conversou com um veterinário que indicou a troca da ração do cachorro. “Eu gasto mais de R$ 200 em ração todo mês, porque tenho outros animais. Não é culpa minha se a ração que eu dava não presta”, afirmou.

A denúncia de maus tratos foi feita por vizinhos, publicada na edição de sábado e confirmada por barnabés da prefeitura.

  •  

Deixe uma Resposta