• Postado por Tiago

Rominey Antenor Vieira e Albany Moraes Júnior que são acusados de tentar matar José Ademir de Oliveira em maio de 2006, no bairro São Judas, ficam frente à frente com o juiz da comarca nessa quinta-feira, a partir das 9h. A dupla vai a julgamento acusada de ter metido bala na vítima e na mué dele, mas os dois conseguiram siscapar da morte se jogando no chão.

Os acusados teriam resolvido furar o couro da José Ademir pra vingar a morte do pai de Rominey, e contaram à polícia que quem atirou foi Albany. Quando rolou o crime, Albany passou na casa do amigo a bordo de uma caranga, o convidou pra jogar sinuca e tomar uma cerveja. No caminho pro boteco, eles passaram na rua Gervásio Vieira, no São Judas, onde morava José. Ao chegar na frente da casa, Rominey contou a história para o comparsa, que resolveu dar um susto no desafeto.

Ao ver os dois descendo do carro com uma arma, José e a mulher se jogaram no chão ao ouvir os disparos. Por sorte o casal não foi atingido, mas os atiradores foram identificados.

  •  

Deixe uma Resposta