• Postado por Tiago

As duplas Keko/Nelsinho e Josi/Leize, de Balneário Camboriú, não conseguiram passar pela primeira rodada da fase principal da sétima etapa do Circuito Banco do Brasil de Vôlei de Praia, considerado o mais difícil e disputado do mundo. A competição terminou ontem, em Teresina, no Piauí, mas pros catarinenses os jogos rolaram só até sábado.

Entre os homens, Keko e Nelsinho, que estavam jogando desde quinta-feira, pois precisaram passar pelo qualifying, fizeram uma dura partida, mas perderam pro capixaba Luciano e pro paraense Ricardo Brandão por 2 sets a 1, com parciais de 18/16, 16/18 e 15/12. O título da etapa foi pra Alison/Harley (ES/DF), que derrotou Márcio/Fábio Luiz (CE/ES) por 2 sets a 0, com parciais de 18/13 e 18/14, num jogo entre as duplas líder e vice-líder do ranking nacional. O terceiro lugar da etapa piauiense ficou com Pedro Solberg/Bruno Schmidt (RJ/DF).

No feminino, Josi e Leize também deram trabalho às rivais na fase principal. As meninas da Maravilha do Atlântico perderam por 2 a 0 de Shaylyn/Elize Maia (CE/ES), com parciais de 18/15 e 22/20. O lugar mais alto do pódio foi pras tetracampeãs mundiais, a cearense Juliana e a paraense Larissa, que vivem grande fase na temporada. Na decisão em Teresina, as também campeãs panamericanas derrotaram Talita/Maria Elisa (AL/PE) por 2 sets a 1, com parciais de 13/18, 18/16 e 15/11. A terceira colocação ficou com Ângela/Vivian (DF/PA).

A próxima etapa do circuito será em Fortaleza, no Ceará. As areias do Aterro da Iracema receberão as disputas da oitava etapa do ano, entre os dias 1º e 4 de outubro.

  •  

Deixe uma Resposta