• 07 jul 2009
  • Postado por Tiago

SEIS MESES

Governo Edson Periquito completa seis meses, mas não tem muito a comemorar.Pelo contrário, deve satisfação a comunidade de um dos bairros (a Barra) que mais prestigiou sua candidatura.

POSTO DE SAÚDE 24HS

O Posto de Saúde 24 Hs na Barra que se consolidaria nos primeiros dias de administração foi uma das promessas do prefeito-ave que até o momento não se concretizaram. E lá na Barra todo dia tem quem comenta o descaso do prefeito.

PROMESSA

Recordo que o vice-prefeito, Cláudio Dalvesco, quando prefeito em exercício, reiterou a promessa e estipulou prazo, afirmando que no mês de abril o posto seria inaugurado. Até agora nada. Será que Dalvesco tem alguma coisa a falar?

HOSPITAL MUNICIPAL

Tão cedo o Hospital Municipal Ruth Cardoso não será aberto ao povo e muitos equipamentos correm o risco de perder a garantia devido a falta de uso. O prefeito esteve na Câmara Municipal e conforme o prometido enviou documentação no dia seguinte ao legislativo. De lá pra cá tudo parou novamente. Caso estranho.

PAI PRA FILHO

Ambulâncias do Posto de Saúde da rua 1.500, de acordo com informações recebidas, estão sendo lavadas no lava rápido do filho do responsável pela manutenção das viaturas, o conhecido Passarinho. Negócio de pai pra filho, mas que pode incomodar a administração municipal.

TURISMO

Pessoal do Turismo anda muito entusiasmado, mas não deve exceder. Noticiou que reconquistou o mercado paraguaio, mas que reconquista é essa? Até o momento nada de concreto, apenas conversa e de conversa o trade turístico não sobrevive. Tudo marinheiro de primeira viagem, achar que porque lá estiveram a cidade seria “invadida” pelos paraguaios.

45

É, Balneário Camboriú completa 45 anos e até isso incomoda o governo municipal. Como se sabe, 45 é o número dos tucanos. Portanto, não queiram destacar muito a idade do município para não deixar o homem irritado.

MUDANÇAS

Como anunciamos em algumas colunas as mudanças no primeiro escalão estão prestes a acontecer. E para surpresa de muitos, um nome muito conhecido está pronto para trocar de lado e assumir a assessoria de imprensa ou a fundação de cultura.O comentário a respeito é forte.

VELÓRIO DO PERIQUITO

Foi improvisado, na Câmara do Balneário, o velório e o consequente sepultamento do periquito de estimação da vereadora Christina Barrichello. Na maioria dos locais em que passei no sábado passado, no encontro de amigos, não se comentava outra coisa.

SEPULTAMENTO

A ave morreu quando fugiu da gaiola para alçar novos vôos. Consternada, a vereadora embrulhou o periquito em uma sacola plástica e levou para a Câmara. Lá pediu a um funcionário para que realizasse o sepultamento. A comoção foi geral e o bichinho de estimação foi enterrado em um terreno baldio nos fundos do Legislativo.

ANIVERSÁRIO

Está completando seis anos desde que a médica Tatiana Jacobina registrou um boletim de ocorrência na Delegacia da Mulher contra o então vereador Edson Periquito. Ela teria sido agredida dentro do Hospital Santa Inês, de madrugada, porque se recusou a passar o parlamentar na frente de outros pacientes que aguardavam atendimento.

LESÕES CORPORAIS

Na sua quase totalidade as testemunhas confirmaram a agressão com lesões corporais e ameaças. Periquito se defendeu dizendo que estava encaminhando um paciente para ser atendido pela Unimed e não pelo SUS.

NÃO CONSTA

Tive acesso aos documentos do termo circunstanciado relatando todos os detalhes. Estranhamente, na pagina do Tribunal de Justiça do Estado, não consegui localizar o processo. Será que ficou por isso mesmo?

TRANQUILIDADE

Será que um mar de tranquilidade finalmente vai chegar à administração de Penha? O prefeito tucano Evandro dos Navegantes passou os primeiros meses do mandato se preocupando com os processos que os peemdebistas do ex-prefeito Coelho e do Tião, candidato derrotado nas últimas eleições, entraram na Justiça Eleitoral.

ABOSLVIDO

Na semana passada o Tribunal Regional Eleitoral absolveu Evandro que, no entanto, deve ficar inelegível nos próximos anos. O prefeito eleito com 7.082 votos dos 15.161 eleitores aptos a votar em Penha não tinha aberto conta corrente específica para a movimentação dos seus gastos de campanha.

PUBLICIDADE

Alegavam ainda os peemedebistas misturados com os petistas e os peerrebistas (PRB) que Evandro teria usado de outros meios para conseguir o voto popular, entre eles a divulgação de material fora dos padrões em jornal local, a utilização de cantor conhecido para animar um comício e um café para os moradores do São Nicolau. Todas as acusações não foram acatadas já que a defesa apresentou as provas necessárias.

TRABALHAR

A ordem agora em Penha é trabalhar para recuperar o tempo perdido e também dos danos causados pelas fortes chuvas deste ano.

ELEIÇÃO

O resultado favorável no TRE favorece a reeleição de Reginaldo Waltrick na presidência do PSDB. Foi ele o responsável pela formação da coligação Força da Renovação, integrada também pelo DEM, PPS, PTB e PP, e que levou a surpreendente e esmagadora vitória de Evandro. Os outros dois candidatos que pleiteavam a função devem abrir mão da disputa em favor de Reginaldo.

SANTA INÊS

Administração do Hospital Santa Inês gasta em publicidade duas páginas coloridas de jornal semanário, mas manteve um paciente internado três dias sem ser atendido. Alegava, segundo a informação, que faltava dinheiro para o material cirúrgico.No entanto, ao ser acionado o Samu para transferir o paciente para Florianópolis, acabou a palhaçada e finalmente foi realizado o atendimento, ali mesmo no Santa Inês.

ACUSAÇÃO

O Ministério Público, sempre atuante, deveria tomar a iniciativa de ir verificar o que aconteceu. Afinal de contas foi o próprio MP que obrigou o município a firmar um Termo de Ajuste de Conduta com o Santa Inês. Segundo o apurado, o propósito da administração do hospital em retardar o atendimento seria por questão meramente política.

WFO

Enquanto maus profissionais se utilizam de pacientes pobres e que necessitam do atendimento do SUS para tentar atingir a integridade moral do secretário de estado da saúde, este viajou rumo a Genebra, na Suíça, onde na quarta-feira participa de um encontro da WFO, para discutir a construção de um hospital no município de Biguaçu, do mesmo modelo do Hospital Municipal Ruth Cardoso, que permanece fechado em Balneário Camboriú pela falta de vontade da nova administração municipal.

CONTAGEM REGRESSIVA

Cinquenta e dois anos estou completando nesta terça-feira. Mas não gosto que me chamem de “senhor” e ainda fico chocado quando alguma gatinha me chama de “tio”. No primeiro caso costumo dizer: “Senhor é Deus; sou apenas Elias, o profeta”. No segundo a coisa é bem mais complicada…

  •  

Deixe uma Resposta