• 23 jul 2009
  • Postado por Tiago

CANDIDATO

O Partido Progressista (PP) está mesmo rachado em Balneário Camboriú. Parte da sigla quer o presidente Fábio Flor como candidato a Assembleia Legislativa no próximo ano. O ex-vereador e candidato a vice-prefeito na chapa de Leko Benvenutti (PT) não confirma, mas segundo minhas fontes, está mexendo os pauzinhos (ou seriam os votinhos?).

REPERCUSSÃO

Agora dá para entender porque tanta gente ligou sobre a nota da coluna passada em que levantamos que o vereador José Hannibal e o presidente do PP estariam em linha de choque.

ESPAÇO

Os defensores da candidatura de Fábio Flor acreditam que ele tem muito espaço para ocupar os votos que nas últimas eleições para deputado foram depositados no atual prefeito Edson Periquito. Esquecem, porém, que o próprio prefeito-ave vai ter os seus candidatos. E fala-se que são muitos…

CANDIDATÁVEL

Um deles que Periquito entregaria de bandeja para o massacre dos eleitores, é o secretário de Planejamento, Claudir Maciel (PP). Sem coragem suficiente para trocar o titular do cargo, Edson Renato fica dando corda para que o ex-menino pobre do bairro dos Municípios assuma a posição de candidato e renuncie a função no próximo ano.

NOVO NOME VELHO

Até um ex-ocupante da Secretaria de Planejamento teria sido sondado para ocupar a função a partir da saída do Claudir. Conversei com ele, um próspero empresário da construção civil, que disse que, por enquanto, nada disso existe. Mas onde há fumaça sempre tem um foguinho…

PERGUNTAR NÃO OFENDE

Se foi decretado luto oficial de três dias na cidade por que foi mantida a programação festiva dos 45 anos de Balneário Camboriú? O luto deve ter sido só para fazer média com o vice-governador, porque não existe luto e festa ao mesmo tempo.

GRIPE SUÍNA

As vigilâncias epidemiológica e sanitária estão evitando oficializar alguns casos já registrados, principalmente em Itajaí. E já que o negócio é fiscalizar para não deixar o vírus H1N1 chegar por estas bandas, que tal dar uma olhadinha nos capacetes dos mototáxis.

SUJEIRA

Se esse vírus chegar pra valer, o capacete deverá ser um dos maiores difusores da gripe suína. Não existe nenhuma proteção para o usuário deste tipo de transporte. Não raros são os casos de pessoas que pegaram piolhos e outras pestes. Como diz um tradicional colaborador da coluna: “é um verdadeiro liquidificador transmitindo doenças”.

REGULAMENTAÇÃO

Por falar em mototáxi, uma boa parte dos profissionais da área não gostou da lei regulamentando a profissão. É que as empresas que são as “concessionárias” dos pontos terão que cumprir uma série de obrigações, inclusive o registro em carteira. Tem gente no Balneário que já está querendo mandar o ponto pra frente.

DIARIAMENTE

Virou rotina no Balneário, Itapema e Camboriú a PM fechar pontos de coleta de aposta do jogo do bicho. Mas vai ficar só nisso?

QUESTIONAMENTO

A Ouvidoria do Ministério Público, em Florianópolis, deve estar recebendo esta semana denúncia sobre a festa dos loteamentos em Camboriú. “À custa de quê estas licenças foram emitidas?” indaga o denunciante. E diz mais: “Se a operação ‘Moeda Verde’, feita em Florianópolis, fosse estendida para Camboriú, teríamos muito mais presos”.

CENTRO DE EVENTOS

Enquanto a administração periquita fica contando lorota por conta de participação em algumas feirinhas de divulgação turística, o empresariado do setor, que de bobo não tem nada, corre atrás da máquina. A diretoria do Balneário Camboriú Convention & Visitor Bureau esteve esta semana em reunião com o vice-governador Leonel Pavan.

INTERESSADA

A entidade de captação de eventos integrada por empresários do setor de turismo, negócios e comércio da cidade queria conhecer a situação do antigo Parque da Santur e as propostas do governo para a construção de um moderno de Centro de Eventos e Convenções no local.

PROPOSTA

A mais viável e que está sendo discutida no momento, segundo Pavan, pode resultar numa obra com iniciativa do próprio governo. Com custo básico ao redor de R$ 30 milhões, o projeto envolve a construção de um Centro de Eventos com uma área total de 18 mil m2, podendo se constituir no maior do Sul do país, incluindo ainda uma escola para treinamento de turismo.

GRAVE

É o caso registrado durante as comemorações dos 45 anos de emancipação político-administrativa de Balneário Camboriú. Refere-se à utilização do espaço público, colocado à disposição da iniciativa privada. E pode ser definido legalmente como venda de espaço público, uma vez que houve a arrecadação de dinheiro.

VERGONHA

Contrariando lei municipal de 1990, que regulariza a utilização dos postes de iluminação pública apenas para a decoração natalina e carnavalesca, Conselhos de Segurança Pública e prefeitura, segundo as informações, teriam ofertado a utilização dos espaços pelo valor de R$ 30 mil, arrecadando um total que teria chegado aos R$ 180 mil.

PRESTAÇÃO DE CONTAS

Esse fato deveria chamar a atenção do Ministério Público que nos últimos seis meses, aqui na comarca, parece estar acomodado quando se trata de problemas envolvendo a administração municipal. O MP deveria procurar saber de que forma e os critérios adotados para privilegiar duas empresas Havan e FG Procave com espaços nobres nas avenidas Atlântica e Brasil.

LEGISLAÇÃO

Pelo que se tem conhecimento, da forma como foi feita a decoração alusiva aos 45 anos tem muita coisa errada. A comunidade merece uma explicação. Ela pode ser de forma oficial ou através do MP da moralidade pública.

SOCIAL

Mesmo que seja pelo social, em favor de entidades assistenciais, é necessário haver uma explicação, inclusive pela participação de uma representante da administração municipal, com a qual teria ficado, a princípio, o valor arrecadado. E nós vamos cobrar essa explicação.

DOIS SÍTIOS

Deve estar sobrando dinheiro na prefa de Penha. O prefeito Evandro dos Navegantes se dá ao luxo de ser a única administração da região em possuir dois sítios (ou sites) na internet. Ao contrário de reformular o antigo, preferiu investir alto em colocar um segundo no ar. E houve muito empenho de gente do primeiro escalão em convencer o prefeito da aprovação do investimento. Triste é que a oposição não procura saber detalhes sobre quem está por trás, quem se beneficiou, etc e tal.

BATE BOCA

O pessoal do Democratas (DEM) da famosa “capital do marisco” andou se desentendendo durante o encontro dos amigos e por pouco o presidente do legislativo e o vice-prefeito não partiram para a porrada. Sinal de falta de liderança.

BEBER

Delegado Eliomar Beber, da Central de Investigações de Balneário Camboriú, está dando show de competência com a elucidação de uma série de casos de homicídio. E o principal, com provas técnicas. Claro que para isso é necessário trabalho e dedicação.

  •  

Uma Resposta to “Elias Silveira”

  1. fridolino Diz:

    Elias fiquei triste em saber,que o Prefeito afirma que Procon e Cdl estarão juntos como pode o Procon é um orgao fiscalizador, do CDL
    http://www.balneariocamboriu.sc.gov.br/imprensa/noticia.cfm?codigo=4363&home=1

Deixe uma Resposta